A ação recebeu um investimento da ordem de R$ 1 milhão
A ação recebeu um investimento da ordem de R$ 1 milhãoFoto: Heudes Régis/ SEI

Pela primeira vez, o distrito de Cabanas, no município de Cachoeirinha, vai ter água encanada. É que o governador Paulo Câmara (PSB) comandou, nesta sexta-feira (15), o início das operações de distribuição de água. Com a ação, o distrito de Igrejinha, em Tacaimbó, também foi beneficiada.

“Investimos mais de R$ 1 milhão para que esse sonho se tornasse realidade. Agora, é enxergar o futuro. Com água, a qualidade de vida da população melhora, mas podemos fazer mais e, junto com o prefeito, vamos ver o que podemos fazer para melhorar ainda mais a vida do povo. Esse é o foco do Governo de Pernambuco: olhar pelos que mais precisam”, afirmou o governador. Cerca de três mil habitantes vão ser beneficiados com as obras.

A intervenção demandou a implantação de 9 km de sistema adutor e rede de distribuição. A população de Cabanas e de Igrejinha contará com fornecimento de água oriunda do Sistema Adutor do Agreste, distribuída por tubulações até suas residências.
“O governador pediu para que viéssemos atender às comunidades. Entre elas, o distrito de Igrejinha. Vários governadores passaram por aqui, mas nenhum conseguiu trazer água para Cabanas. O governador Paulo Câmara é um homem de palavra, e agora esses dois distritos terão água do Rio São Francisco”, destacou o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

A secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos do Estado, Fernandha Batista, relattou sobre a realização das operações para distribuir água nos dois municípios, mesmo diante de um momento de crise por que passa o Brasil. “Precisamos nos empenhar sempre para levar água aos chuveiros e torneiras de todos os pernambucanos. Esse é o nosso papel”, disse.

Além de Tavares e Fernandha, participaram das ações o deputado federal João Campos; os deputados estaduais João Paulo Costa e Sivaldo Albino; os secretários Nilton Mota (Casa Civil); Sileno Guedes (Desenvolvimento Social, Criança e Juventude); Albéres Lopes (Trabalho, Emprego e Qualificação); o presidente da AD Diper, Roberto Abreu; e os secretários executivos Tarcísio Ribeiro (Recursos Hídricos); e Zé Maurício (Casa Civil).

Entre os prefeitos, estiveram presentes Ivaldo de Almeida (Cachoeirinha), Sandro Arandas (Ibirajuba), Débora Almeida (São Bento do Una), Álvaro Marques (Tacaimbó), Uilas Leal (Alagoinha), Hilário Paulo (Brejo da Madre de Deus), Antônio de Roque (Jataúba), Jadiel Braga (São Caetano), Gustavo Adolfo (Bonito), Douglas Duarte (Angelim), Neide Reino (Capoeiras), Merson (Poção), Heraldo de Sidônio (Sanharó), Marcos Patriota (Jupi), Eduardo de Delino (vice-prefeito de Cachoeirinha).

Prefeito de Afogados da Ingazeira e presidente da Amupe, José Patriota (PSB), esteve em reunião com prefeitos, em Bom Conselho
Prefeito de Afogados da Ingazeira e presidente da Amupe, José Patriota (PSB), esteve em reunião com prefeitos, em Bom ConselhoFoto: Divulgação

Prefeitos e representantes de diversos segmentos planejam encontro com a bancada federal pernambucana, através da articulação da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), em data da reunião ainda está sendo confirmada. Antes disso, reuniões  preparativas já estão mobilizando os gestores municipais.

O presidente da Amupe e prefeito de Afogados da Ingazeira, José Patriota (PSB), esteve no município de Bom Conselho, nesta quinta (14), participar, junto com os prefeitos da região, de uma reunião de trabalho onde foram apresentados os principais problemas do segmento responsável pela principal cadeia produtiva local, os produtores de leite. O objetivo é envolver os parlamentes e outros agentes políticos na luta para reerguer esse e outros setores.

“Os produtores rurais fizeram um resumo do sofrimento, da agonia, da caminhada. Eu fico pensando como é difícil trabalhar os sete dias da semana - quem é produtor tem que cuidar todo dia. Apesar da seca, apesar do leite importado, apesar dos incentivos fiscais, apesar da falta de incentivo, vocês são uns heróis, uns guerreiros. Parabéns aos produtores e produtoras que estão de pé! O desafio é grande, o movimento está bonito, mas tem que manter a organização permanente. Essa discussão tem que ser constante”, pontuou José Patriota.

Leia também:
[Giro de Notícias] Confira as manchetes desta sexta
Amupe dialoga com deputados sobre Pacto Pela Vida
Sudene sedia encontro internacional sobre políticas de inovação


O presidente da Amupe explicou que não há emprego de incentivo mais barato que o do campo, cujo retorno do investimento por parte dos governos é mais garantido. “E o caráter distributivo, vários produtores, várias propriedades, várias famílias, vários municípios beneficiados. A gente precisa rever para estruturar uma política institucional, regional e estadual (de incentivos). Precisa de organização permanente. Essa força não pode ser no momento do aperto; tem que ficar permanentemente mobilizado; assessorado tecnicamente com argumentos fortes. É preciso ter sempre essa vigilância. O produtor precisa continuar se modernizando, aperfeiçoando e se juntando para fazer aquilo que é preciso”, defendeu.

Também participaram do encontro os prefeitos Dannilo Godoy (Bom Conselho), Débora Almeida (São Bento do Una/secretária da Mulher da Amupe), Luiz Aroldo (Águas Belas/conselheiro fiscal da Amupe), Osório Filho (Pedra), Walmir do Leite (Paranatama), Nogueira (Calçados), Ednaldo Peixoto (Jucati), Marcelo Neves (Palmerina), Tonho de Lula (Iati), Douglas Duarte (Angelim), Cristiano Martins (Quipapá), Neide Reino (Capoeiras) e Ulias Leal (Alagoinha); além dos ex-prefeitos Sandoval Cadengue (Brejão) e João Mendonça (Belo Jardim) e do secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto. O presidente da Associação dos Municípios Alagoanos, Hugo Wanderley, foi à Bom Conselho especialmente para o ato, junto com outros prefeitos do estado.

amupe

Deputado Silvio Costa espera atender mais demandas da população de Condado
Deputado Silvio Costa espera atender mais demandas da população de CondadoFoto: Divulgação

O deputado federal Silvio Costa Filho (PRB) entregou, nesta sexta-feira (15), uma van acessível para tratamento fora de domicílio no município de Condado, na Zona da Mata Norte. O equipamento, adquirido pelo parlamentar junto ao Governo Federal, é inédito na cidade e auxiliará a população no tratamento de saúde. Além do parlamentar, o prefeito Antônio Cassiano (PTB), secretários municipais e vereadores da cidade participaram do evento de entrega.
  
“Hoje nós estamos entregando essa van em parceria com o Governo Federal, para ajudar toda população, principalmente os deficientes ou pessoas com dificuldades de locomoção, no tratamento fora da cidade, já que ela conta com um elevador e uma estrutura acessível. Mas além disso, vamos trazer outros equipamentos e investimentos que auxiliem no desenvolvimento do município, porque entendo que é de grande importância trabalhar pelo desenvolvimento da saúde”, disse o deputado.

São demandas antigas da população: a requalificação do Ginásio Esportivo Municipal de Condado, a compra de uma ambulância e um ônibus escolar para a cidade, além da construção de calçamento e recursos para a saúde municipal, que Silvio Costa Filho pretende atender.

“Quero dedicar o nosso mandato aos municípios de Pernambuco. Sou muito grato ao povo de Condado e de todo o estado pela confiança que recebi na última eleição. Gratidão se retribui com trabalho e vamos trabalhar para realizar entregas e ações que beneficiem os pernambucanos”, pontuou Silvio.

Projeto de Lei é de autoria da vereadora Ana Lúcia (PRB).
Projeto de Lei é de autoria da vereadora Ana Lúcia (PRB).Foto: Divulgação / Câmara Municipal do Recife

A vereadora professora Ana Lúcia (PRB) apresentou um projeto de lei que dispõe sobre a obrigação de avaliação psicológica dos alunos da rede Municipal de Ensino do Recife. A proposta foi apresentada no dia 27 de fevereiro e agora ganhou evidência por conta do atentado que vitimou alunos e funcionários de uma escola em Suzano, São Paulo, gerando comoção nacional.

“A necessidade da avaliação psicológica de crianças e adolescentes, além do aspecto diagnóstico, pode ter um caráter preventivo importante, uma vez que possibilita a identificação precoce de condições que podem trazer consequências para o desenvolvimento ao longo da vida”, destacou a vereadora.

De acordo com o projeto, as avaliações poderão ser realizados em convênios com faculdades e universidades a fim de facilitar a inclusão da avaliação psicológica nas escolas da Rede Municipal de Educação. Caso a avaliação psicológica indique um diagnóstico de algum tipo de transtorno, uma equipe técnica faria o encaminhamento do aluno a unidade de saúde por profissional competente.

Deputado Ricardo Teobaldo (Pode), ministro Ricardo Vélez (Educação) e o diretor-presidente da instituição, Cleonildo Lopes
Deputado Ricardo Teobaldo (Pode), ministro Ricardo Vélez (Educação) e o diretor-presidente da instituição, Cleonildo LopesFoto: Walter Alves/ Divulgação

O maior acesso ao ensino superior tem sido uma das bases do mandato do deputado federal Ricardo Teobaldo (PODE). Na última quinta-feira, em Brasília, o parlamentar participou de encontro com o Ministro da Educação, Ricardo Velez Rodrigues, para tratar do funcionamento de uma faculdade particular no Vale do Pajeú. Também participou da reunião, o diretor-presidente da instituição, Cleonildo Lopes.

“Durante o encontro tratamos das bases da educação em Pernambuco e da Faculdade do Vale do Pajeú, uma região muito importante para mim. Confirmamos com o ministro que, até o final do mês, será publicada no Diário Oficial a portaria do MEC que autoriza o vestibular e a matrícula para os novos cursos da instituição. Esse será um grande avanço para o nosso estado e para a região do Pajeú”, comemorou Ricardo Teobaldo.

Após a publicação da portaria, a insitutição de ensino estará autorizada a iniciar o processo seletivo para as vagas dos cursos de Direito, Enfermagem, Pedagogia, Administração de Empresas e Ciências Contábeis, todos eles presenciais. Inicialmente serão disponibilizadas 100 vagas para cada graduação.

Cientista político Alex Ribeiro
Cientista político Alex RibeiroFoto: Pedro Farias

Por Alex Ribeiro, doutorando em História Política pela Universidade Federal da Bahia (UFBA), cientista político pela UFPE e jornalista.

A declaração do senador Major Olimpío (PSL) de que a tragédia da escola estadual Professor Raul Brasil em Suzano, na região metropolitana de São Paulo, seria evitada caso os professores tivessem porte de arma, por mais absurda que seja, não é isolada. A maioria dos bolsonaristas defendem esse tipo de posse e até o próprio presidente da República Jair Bolsonaro confessou que dorme com um revólver ao lado da cama, mesmo com o esquema de forte segurança no Palácio da Alvorada.

Essa propagação por mais armas de fogo circulando entre “cidadãos de bem” vai de encontro as pesquisas científicas. Segundo o levantamento do Altas de Violência 2018 houve um aumento de 40 para 71% do percentual de homicídios no País entre os anos de 1980 e 2016. A amostra também revela que esse número seria 12% maior sem o Estatuto do Desarmamento.

Vale lembrar que o ministro da Justiça Sérgio Moro, em defesa do porte de armas, minimizou esses tipos de trabalhos acadêmicos. Paralelo ao discurso de porte de armas, os professores no Brasil nunca estiveram tão desestimulados. De acordo com pesquisa feita pelo Movimento Todos Pela Educação, 49% dos docentes não indicam a carreira para os iniciantes no mundo acadêmico. Baixos salários, pouca estrutura de trabalho, falta de reconhecimento, e até agressões físicas, são alguns dos exemplos para a evasão de educadores nas instituições de ensino.

A ideia do Escola Sem Partido, adotada pela maioria dos governistas, de acabar com “o marxismo cultural” em sala de aula pode ser mais um motivo de afastamento dos professores. O discurso de formação política em sala de aula indo em contraponto “aos valores da família”, dito pelo vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro (PSC), em entrevista à jornalista Leda Nagle, é de quem parece não reconhecer a realidade das escolas.

De acordo com a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, a escola é um espaço de formar cidadãos, ou seja, um ser crítico da realidade que os cerca. Além disso, as instituições de ensino precisam ser um local de acolhimento, de diálogo e de proximidade entre família, professores e alunos. É a comunidade escolar e não só o professor que estimula o desenvolvimento das potencialidades do discente.

Estes são seres pensantes que podem se identificar com qualquer disciplina, conteúdo e educador. Isso tudo está imerso na prática social de responsabilidade dos espaços de ensino. Pois é, essas funções não tornam o aluno um potencial militante comunista devorador do conservadorismo brasileiro.

As funções pedagógicas provam que o uso de armas por professores pode blindar o professor perante o aluno. Em vez de aproximação, medo. Em vez de acolhimento, distância. Além do mais, é um contrassenso dos próprios bolsonaristas deixar os educadores com porte de arma de fogo. Como assim os “doutrinadores marxistas” armados em espaços de ensino? Será que vai ter seleção de quem pode ou não pode utilizar armamento? Os governistas precisam se decidir.

No aguardo do edital para “agentes 007” das salas de aula. Entre os não-bolsonaristas quem com certeza não deve gostar da ideia de educadores portadores de armas é o ex-governador Beto Richa (PSDB). Lá no Paraná deve ser perigoso ter professores com munições além de pilotos, livros, canetas e apagadores. Deve ser um “mal necessário”.

Ex-governador Mendonça Filho acredita na geração de empregos e renda com a privatização do Aeroporto dos Guararapes
Ex-governador Mendonça Filho acredita na geração de empregos e renda com a privatização do Aeroporto dos GuararapesFoto: Arthur Mota

O ex-deputado e ex-ministro, Mendonça Filho, do DEM, ficou satisfeito com resultado do leilão do Aeroporto dos Guararapes, nesta sexta-feira (15). "Muito bom para o Recife. Será Hub da operação na região e terá mais oportunidades de investimentos com a geração de novos empregos e renda, beneficiando diretamente regiões do entorno como Imbiribeira, Jordão, Ipsep, URs”, afirmou.
  
Mendonça disse que nunca entendeu essa síndrome provinciana de querer fechar Recife para o mundo, que alimentou o movimento contrário ao leilão. “Pernambuco não pode viver de passado. Permitir ao Recife ser Hub na região é olhar para o futuro, gerando oportunidades para os recifenses e os pernambucanos", afirmou Mendonça.

Segundo ele, a tese levantada durante a semana de que a operação em bloco é atrativa foi confirmada. “Os aeroportos do bloco, no seu conjunto, não representam sequer o tamanho do Aeroporto dos Guararapes. Recife será HUB, o concentrador dessa operação”, avaliou, ressaltando que essa é a melhor solução para alavancar o desenvolvimento econômico com oferta de infraestrutura adequada para a cidade e a Região.

“O fundamental é a operação em si. A capacidade de alavancar investimentos, trazer novos empregos e gerar renda para o Recife”, defendeu, relembrando que o fato da vencedora ser espanhola é positivo, porque reforça as ligações históricas, culturais e econômicas de Pernambuco com a Península Ibérica. "No setor aéreo já temos operação aérea para Espanha e Portugal, que deve ser potencializada", analisou.

Aeroporto do Recife
Aeroporto do RecifeFoto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

Depois do leilão de 12 aeroportos regionais, no qual o Aeroporto do Recife, foi leiloado por um valor de R$ 1,9 bilhão pela espanhola Aena, nesta sexta-feira (15), a Prefeitura do Recife emitiu nota expressando confiança na empresa vencedora e afirmando seu compromisso em acompanhar a concessão do terminal.

Leia a nota na íntegra:

Com relação ao leilão do Aeroporto Internacional dos Guararapes, realizado pelo Governo Federal nesta sexta-feira (15), a Prefeitura do Recife informa que acompanhará de perto a concessão do terminal de passageiros e os compromissos de investimentos na qualidade dos serviços. A empresa vencedora tem larga experiência em administração aeroportuária e confiamos na sua capacidade para entregar um índice cada vez maior de satisfação do usuário, marca registrada do Aeroporto Internacional dos Guararapes, consolide nossa liderança regional e amplie nossa participação no mercado brasileiro e mundial.

Deputado Ossessio Silva (PRB-PE) homenageou profissionais de resgate e cobrou providências por Brumadinho
Deputado Ossessio Silva (PRB-PE) homenageou profissionais de resgate e cobrou providências por BrumadinhoFoto: Divulgação

Uma sessão solene foi realizada, nesta quinta-feira (14), no plenário da Câmara Federal, em homenagem às vítimas, aos militares do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais e demais profissionais que trabalharam no desastre na barragem de mineração da Vale em Brumadinho, Minas Gerais.

Durante a solenidade, o deputado Ossesio Silva (PRB-PE) fez um tributo aos profissionais do resgate. “Esta tragédia que aconteceu em Brumadinho fez com que todos nós brasileiros fôssemos atingidos. Quero mandar um abraço a esses valorosos e valorosas, homens e mulheres, que lutaram para salvar vidas. Esse abraço vem de Pernambuco”, afirma.

Leia também:
[Giro de Notícias] Confira as manchetes desta sexta
Projeto de Lei obriga avaliação psicológica nas escolas do Recife
Fernando Monteiro será titular em duas Comissões


Ossessio também cobrou providências sobre a tragédia. “Essa tragédia tem que ser apurada e os responsáveis tem que ser punidos”, ressalta o parlamentar.

CPI - Uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) vai investigar as causas e os responsáveis pela ruptura da barragem da Mina do Córrego do Feijão, que pertence à mineradora Vale e estava localizada em Brumadinho. O rompimento da barragem ocorreu no dia 25 de janeiro e causou a morte de, pelo menos, 203 pessoas. Centenas de pessoas permanecem desaparecidas.

Fernando Bezerra Coelho, do MDB, é o líder do Governo Bolsonaro
Fernando Bezerra Coelho, do MDB, é o líder do Governo BolsonaroFoto: Brenda Alcântara/Folha de Pernambuco

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB-PE), concordou com o resultado do leilão do Aeroporto de Recife, concedido pelo governo federal para a operadora espanhola Aena, que arrematou o bloco Nordeste por R$ 1,9 bilhão, o que representa um ágio de 1.010% em relação ao lance mínimo inicial, de R$ 171 milhões, estabelecido no edital.
  
A operadora espanhola é considerada a maior do mundo e vai administrar o Aeroporto do Recife pelos próximos 30 anos. “Considero um grande êxito, um grande sucesso. O Aeroporto de Recife é o maior do Nordeste e continuará sendo ao longo dos próximos 30 anos, porque, quem chega, tem conhecimento, capital, tecnologia e know how para que o aeroporto continue crescendo”, afirmou Fernando Bezerra Coelho.

Leia também:
Espanhola Aena vence leilão do bloco do NE por R$ 1,9 bi e leva Aeroporto do Recife
Leilão de 12 aeroportos deve arrecadar mínimo de R$ 2,1 bilhões

A decisão do governo federal de transferir para a área do Aeroporto de Recife um terreno de 1 milhão de metros quadrados da União, que estava sob domínio da Aeronáutica, foi considerada uma boa contrapartida pelo senador. “Isso vai permitir a construção de um novo terminal de cargas e vai oportunizar a ampliação do terminal de passageiros de 11 para 21 pontes de embarque. Portanto, todas as notícias são muito positivas e Pernambuco tem o que comemorar”, explicou Fernando Bezerra.

Leilão – No total, 12 aeroportos foram leiloados e receberão R$ 3,5 bilhões em investimentos nos próximos 30 anos. De acordo com o Ministério da Infraestrutura, nos primeiros cinco anos da concessão, o investimento estimado chega a R$ 1,47 bilhão, sendo R$ 788 milhões no bloco Nordeste, que inclui, além do Aeroporto de Recife, os aeroportos de Maceió (AL), João Pessoa (PB), Aracaju (SE), Campina Grande (PB) e Juazeiro do Norte (CE).

Ainda segundo o Ministério da Infraestrutura, os primeiros investimentos a serem realizados, as chamadas “ações imediatas”, previstas para os primeiros 180 dias do contrato, incluem: melhorias de adequação de banheiros e fraldários; revitalização e atualização das sinalizações de informação dentro e fora do terminal de passageiros; disponibilização de internet wi-fi gratuita de alta velocidade em todo aeroporto; revisão de sistemas de climatização, escadas e esteiras rolantes, elevadores e esteiras para restituição de bagagens; entre outras intervenções.

comece o dia bem informado: