Foram encontrados 3 resultados para "Litoral Sul":

Entre 2019 e 2018, no mesmo período de janeiro a setembro, houve uma redução de 55% no número de casos de mortes violentas.
Entre 2019 e 2018, no mesmo período de janeiro a setembro, houve uma redução de 55% no número de casos de mortes violentas.Foto: Divulgação / Prefeitura de Ipojuca

Dados da Secretaria Municipal de Defesa Social, na comparação entre 2019 e 2018, no mesmo período de janeiro a setembro, houve uma redução de 55% no número de casos de mortes violentas em Ipojuca, Litoral Sul de Pernambuco. Enquanto no intervalo de janeiro a setembro de 2018 foram registradas 75 mortes na cidade, no mesmo período neste ano, foram 34 pessoas vitimadas.

Para buscar esse bom resultado, a Prefeitura estão realizou a implantação de mais de 100 câmeras de monitoramento espalhadas por todas as localidades do município, a capacitação dos guardas municipais com o Batalhão de Operações Especiais de Pernambuco (BOPE) e a valorização e capacitação dos guardas municipais, que hoje tem o maior piso salarial do Estado na categoria.

Também contribuíram diretamente para a redução dos homicídios no Ipojuca a implantação do aplicativo “153 Digital” para usuário informar ocorrências, incluindo fotos, vídeos e a localização precisa do fato, além da criação do Plano de Segurança Escolar para o combate ao tráfico de drogas em 64 unidades de ensino do município. As iniciativas da Prefeitura do Ipojuca para diminuir a violência também contemplaram a área rural, com a realização de seleção simplificada para implantação da Patrulha Rural.
  
Outra ação que contribuiu com a redução dos índices de mortes violentas foi a troca de 700 lâmpadas comuns por LED, além da implantação de novos pontos de iluminação nas praias de Porto de Galinhas e Maracaípe, na área rural e do centro do município. Há ainda as atividades promovidas pela Secretaria Especial da Mulher em parceria com a Secretaria de Educação, a exemplo do Programa Maria da Penha vai à Escola, que capacita alunos da rede municipal sobre a violência contra mulher, transformando as crianças em multiplicadores.

O deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos) anunciou a liberação de recursos em torno de R$ 9 milhões, para a construção de três escolas e uma quadra.
O deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos) anunciou a liberação de recursos em torno de R$ 9 milhões, para a construção de três escolas e uma quadra.Foto: Divulgação

A Prefeitura de Ipojuca, no litoral sul do estado, iniciou hoje as comemorações da Semana Cívica, com eventos em todos os distritos do município. Durante o evento realizado na sede da Prefeitura, o deputado federal Ricardo Teobaldo (Podemos) anunciou a liberação de recursos em torno de R$ 9 milhões, para a construção de três escolas e uma quadra. Participaram do evento, além de Teobaldo e da prefeita Célia Sales (PTB), o deputado estadual Romero Filho (PTB), vereadores e secretários municipais.

Durante o encontro, Ricardo Teobaldo destacou a importância do investimento em educação. “A cada R$1 que colocamos na educação esse recurso se multiplica em diversas áreas. Estamos fazendo um grande investimento no futuro das nossas crianças e do município. Estou aqui hoje para anunciar um investimento de quase R$9 milhões. Esses recursos serão utilizados para construção de três escolas e uma quadra coberta. Isso é resultado do nosso esforço e dedicação em Brasília”, disse Teobaldo.

Os recursos, da ordem de R$ 8.398.097,81, foram alocados no Orçamento Geral da União e vão contemplar a construção de uma quadra coberta em Nova Camela, uma escola com 12 salas de aula na Vila do Estaleiro e mais duas outras escolas, em Nova Camela e Bela Vista.

Guarda municipal - A solenidade, além de marcar a abertura da Semana Cívica, contou com a primeira promoção administrativa da Guarda Municipal de Ipojuca, através da lei 1.867/17. O dispositivo garante uma gama de benefícios para a instituição, entre eles o aumento significativo do número de vagas para promoção de guardas em todas as classes; gratificação de natalidade; progressão funcional; entre outras.

Prefeita Célia Sales anunciou o novo secretário de Habitação, Cícero Moraes.
Prefeita Célia Sales anunciou o novo secretário de Habitação, Cícero Moraes.Foto: Divulgação

A prefeita Célia Sales promoveu uma mudança de nomes, a partir deste 1º de agosto, para assumir a Secretaria de Habitação do Ipojuca. De acordo com a prefeita, Cícero Moraes, o novo secretário tem perfil mais técnico. Ele, que está a frente da Secretaria de Assistência Social do município desde abril deste ano, acumulará as duas pastas.

A gestão municipal agradeceu os serviços p´restados pelo antigo secretário e anunciou seu desligamento. "A Prefeitura do Ipojuca informa a exoneração de Arlindo Capitani, que estava à frente da Secretaria de Habitação municipal (SEHAB) desde 2017, desde já gradecemos a sua participação na gestão até 31 de julho de 2019".

Cícero Moraes é funcionário da Caixa Econômica Federal há 30 manos e está cedido à Prefeitura do Ipojuca. Foi secretário de Habitação da Prefeitura de Abreu e Lima e da Prefeitura de Igarassu contabilizando, nos dois municípios, a entrega de mais de 3.500 unidades habitacionais do Programa Minha Casa Minha Vida.

assuntos

comece o dia bem informado: