Foram encontrados 82 resultados para "Recife":

Prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB) prestigiou a cerimônia.
Prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB) prestigiou a cerimônia.Foto: Andrea Rego Barros / PCR

A Santa Missa em homenagem ao centenário da coroação canônica da imagem de Nossa Senhora do Carmo, coroada há 100 anos como Rainha de Recife e de Pernambuco foi realizada na noite desta quinta-feira (19), na Basílica Nossa Senhora do Carmo. A cerimônia religiosa, presidida pelo Arcebispo Metropolitano de Olinda e Recife, Dom Fernando Saburido e pelo Frei Rosenildo Alexandre, teve a presença do prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), e da primeira-dama, Cristina Mello. 

“Hoje é uma data muito importante para os recifenses, que há cem anos escolheram Nossa Senhora como padroeira da cidade e a igreja reconheceu exatos cem anos atrás. É uma alegria muito grande, estar aqui com Dom Fernando, Frei Rosenildo, e junto também da população, ter a oportunidade de presenciar o centenário dessa coroação”, destacou o Prefeito.

Para as comemorações do centenário, a imagem de Nossa Senhora, confeccionada em madeira nobre, com 2,2 metros de altura e pesando 250 quilos, com uma coroa de 3.000 gramas de ouro e 60 centímetros de altura, foi totalmente restaurada. A cúpula da igreja também passou pelo processo. A Prefeitura do Recife, por meio da secretaria Executiva de Inovação Urbana e da Autarquia de Limpeza Urbana (Emlurb), com a supervisão do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), também realizou intervenções como revitalização da faixada da igreja e a recuperação do piso externo do Largo do Carmo, iluminação, entre outros serviços.

Dom Fernando Saburido expressou sua emoção com a celebração. “Nossa Senhora é a padroeira da cidade do Recife e querida por todos. A data de hoje representa muito, por que anos remete ao monte Carmelo e toda uma história de coragem, libertação e ali inspirou uma vida contemplativa e missionária, motivando a todos o compromisso com a fé”. O Arcebispo também falou sobre a parceria com a Prefeitura do Recife. “Fico feliz com a sensibilidade da Prefeitura do Recife, e do Prefeito Geraldo Julio em colaborar para que a festa seja grandiosa, e para que tudo aconteça da melhor maneira possível”, pontuou.

Iniciado no dia 18, as comemorações seguem até o sábado, 21. A data marca os 100 anos em que a imagem de Nossa Senhora do Carmo, que chegou na Basílica do Carmo do Recife no século XVII, saiu pela primeira vez do altar central da Igreja e percorreu as ruas da capital pernambucana até a Faculdade de Direito, na Boa Vista para ser coroada. No sábado a santa sairá pela segunda vez do altar da Basílica e seguirá em procissão, refazendo o mesmo percurso de cem anos atrás. A romaria encerra as comemorações, que teve início em agosto de 2018.

Evento realizado pela PCR vai até o dia 8 de outubro e inclui oficinas, competições adaptadas, mostra cultural e caminhada
Evento realizado pela PCR vai até o dia 8 de outubro e inclui oficinas, competições adaptadas, mostra cultural e caminhadaFoto: Maurício Ferry/ PCR

Aos 64 anos, dona Norma Pereira da Silva dá exemplo de energia e animação. Trabalha como costureira até tarde da noite, faz questão de não ficar parada em casa e convive sempre com a turma da sua idade. Na tarde desta quarta (18), ela participou da abertura dos 12º. Jogos da Pessoa Idosa, que aconteceu na quadra do Clube Português, reunindo 33 grupos da terceira idade numa grande festa que teve o objetivo de estimular o envelhecimento saudável e ativo, a qualidade de vida e a integração social. Os Jogos vão até o dia 8 de outubro e incluem oficinas, competições adaptadas, mostra cultural e caminhada.

“Não dá pra gente ficar velha e entrevada. Por isso trabalho bastante e tenho apoio do meu filho em tudo o que faço. Os jogos são ótimos e vou participar de tudo! Eles nos estimulam a conviver com mais gente, treinar, jogar futebol. Na quinta-feira já vou para as oficinas”, garante dona Norma, que mora em Afogados e faz parte do Grupo do Cabanga. Outra animada participante da abertura foi Assunção Mouta, 78 anos, ligada ao Grupo da Terceira Idade de Santo Amaro. “Participo dos jogos desde o começo.

Gosto de tudo. Conheço gente, faço amizade, aprendo a dançar melhor”, afirma.
Os 12º. Jogos da Pessoa Idosa bateram recorde de participação este ano, com 1050 inscritos, 10% a mais do que em 2018. “A energia de vocês é muito contagiante. Espero que todos se divirtam muito e desfrutem bem dos jogos, que são o ponto culminante de toda uma programação voltada ao público idoso”, destacou a secretária executiva de Esportes, Yane Marques. O evento é realizado pela Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Turismo, Esportes e Lazer (Seturel), em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social, Juventude, Políticas sobre Drogas e Direitos Humanos.

PROGRAMAÇÃO - O tema deste ano é “Viver a cultura pernambucana na velhice é o melhor presente da vida”. Após a abertura, a quinta-feira (19) será dedicada às oficinas, que acontecem a partir das 8h, no Compaz Ariano Suassuna, no Cordeiro. A próxima etapa são as competições esportivas adaptadas, da segunda (23) à quarta (25), também a partir das 8h, no Compaz Ariano Suassuna. Haverá 13 modalidades: Voleibol, Basquete, Handebol, Futsal, Hóquei, Golfe, Boliche, Dominó, Dama, Estafeta, Arremesso de Pelota, Acerte o Alvo e Arco.

Na quinta (26), a partir das 14h, é a vez da mostra artístico-cultural, às 14h, no Teatro Luiz Mendonça, no Parque Dona Lindu, em Boa Viagem. Os 33 grupos de idosos farão apresentações dentro do tema do evento, divididos em blocos com temáticas indígena, portuguesa, afrodescendente e espanhola, na forma de danças, poesias, teatro e jogral. A caminhada movimenta o Bairro do Recife, às 8h do domingo (29), com saída no Marco Zero. E a festa de encerramento e premiação está marcada para as 14h do dia 8 de outubro, às 14h, no Clube Português.

Desde 2014, somos membros da Confederação Oxfam, que conta com 19 organizações atuando em 93 países
Desde 2014, somos membros da Confederação Oxfam, que conta com 19 organizações atuando em 93 paísesFoto: Kenneth Huari/ICLEI

As boas práticas realizadas pelos Compaz do Recife levaram as Fábricas de Cidadania da Prefeitura do Recife a serem reconhecidas como o melhor projeto de redução de desigualdade social do Brasil, pela Oxfam Brasil e Programa Cidades Sustentáveis, no 3º Prêmio Cidades Sustentáveis. O prefeito Geraldo Julio recebeu o reconhecimento ao trabalho feito nos Compaz, durante a Conferência “Catalisando Futuros Urbanos Sustentáveis”.

No evento, o prefeito também participou da Rodada de Prefeitos, como presidente do ICLEI América do Sul e representando o presidente mundial do ICLEI, o prefeito de Bonn, na Alemanha, Ashok Sridhran.

“Aqui em São Paulo, a gente acabou de receber um prêmio da Oxfam, que é a instituição mais respeitada no mundo quando se fala em desigualdade social, e do Programa Cidades Sustentáveis, para o nosso Compaz, que foi escolhido como o melhor projeto de redução de desigualdade do Brasil. Estou muito feliz com esse resultado. O recifense conhece o Compaz, sabe que ele atende a crianças, a idosos e gera oportunidade para quem dificilmente tem oportunidades. E agora a gente fica muito feliz com o reconhecimento de uma entidade internacional, que luta pelo combate a desigualdade no mundo inteiro, e reconhece o nosso Compaz como o melhor projeto do Brasil”, comemorou o prefeito Geraldo Julio.

Com sua primeira unidade inaugurada em 2016, no Alto de Santa Terezinha, o Compaz foi concebido sob a ideia de oferecer, em um único espaço lazer, esporte, educação e oferta de serviço, com o propósito de garantir inclusão social e fortalecimento comunitário em áreas de vulnerabilidade social. O prêmio Cidades Sustentáveis tem como objetivo estimular as cidades a adotarem práticas que contribuam para a redução das desigualdades no país e é promovido pelo Programa Cidades Sustentáveis e pela Oxfam Brasil, com apoio do CITinova, Instituto Arapyu e Fundação Ford, em parceria com a Associação Brasileira de Municípios e Frente Nacional de Prefeitos.

A Oxfam Brasil faz parte de uma confederação global que tem como objetivo combater a pobreza, as desigualdades e as injustiças em todo o mundo. Desde 2014, somos membros da Confederação Oxfam, que conta com 19 organizações atuando em 93 países. No total, somos mais de 10 mil funcionários e 55 mil voluntários pelo mundo, contribuindo para aliviar a vida de milhões de pessoas em situação de emergência e contribuir para a transformação social com base nos direitos humanos e no desenvolvimento justo e igualitário.

OS COMPAZ - Os Centros Comunitários da Paz - Compaz - foram concebidos com foco na prevenção à violência, por meio da difusão da cultura de paz, inclusão social e fortalecimento comunitário. Baseado na experiência colombiana das Bibliotecas Parques e também de outras fontes de espaços de cidadania, o Compaz possui duas unidades no Recife. Conhecidos como "Fábricas de Cidadania", os equipamentos se destacam tanto pela estrutura, quanto pela quantidade dos serviços e atendimentos oferecidos.

A primeira unidade foi inaugurada em 12 de março de 2016, no bairro do Alto Santa Terezinha, Zona Norte da cidade. O Compaz Governador Eduardo Campos oferece diversos atendimentos e atividades esportivas, com destaque para o Dojô, espaço de artes marciais, que chegou a marca de mais de 800 praticantes.

Em março de 2017, a segunda unidade foi entregue à população no bairro do Cordeiro: o Compaz Escritor Ariano Suassuna. Entre os destaques da unidade da zona oeste está o Ateliê Compaz, cujo foco é capacitar os participantes para geração de renda. Juntos eles atendem mais de 33 mil pessoas e já realizaram mais de 2 milhões de atendimentos.

Os dois equipamentos em atividade, além de garantir cidadania, oportunidades e transformar a realidade das regiões onde estão inseridos, já demonstram resultados efetivos na redução dos índices de violência. O Ariano Suassuna registrou 40% de redução nos homicídios no seu entorno, enquanto o bairro do Alto Santa Terezinha, onde fica o Compaz Eduardo Campos, não registrou nenhum homicídio em 2018. Estão em andamento as obras do Compaz Dom Hélder Câmara, no Coque e Governador Miguel Arraes, na Caxangá.

RODADA DE PREFEITOS - Pela manhã, ainda na conferência, o prefeito Geraldo Julio também participou da “Rodada dos Prefeitos”, onde destacou a importância da participação dos governos locais no enfrentamento a crise climática. Segundo o prefeito, a participação dos municípios é fundamental no debate global, pois é onde está a maior parte da população do planeta e onde ocorre a maior parte das emissões.

“Primeiro, é preciso reconhecer a crise climática como um problema a ser enfrentado e assumir o compromisso global de cuidar dessa crise. Estive pessoalmente na COP 19 e COP 20 já reinvidicando a participação das administrações nesse debate, pois é nas cidades onde vivem a imensa maioria das pessoas e onde acontecem a maior parte das emissões”, destacou o prefeito Geraldo Julio.

“O Recife é uma cidade onde um terço da população mora nas áreas de morro e o restante mora praticamente ao nível do mar, então esse enfrentamento é ainda mais importante. Procuramos apoio com metodologia internacional e fizemos um plano de redução das emissões e já fizemos a primeira aferição onde verificamos essa redução, com ações concretas de mitigação, resiliência e adaptação”, completou.

Participaram da Rodada de Prefeitos, além do prefeito Geraldo Julio, o prefeito de São Paulo, Bruno Covas, a adjunta para assuntos de áreas verdes, natureza e biodiversidade da Prefeitura de Paris, Penélope Komitès, o prefeito de La Paz, no México, Ruben Alvaréz, o governador de Abidjan, na Costa do Marfim, Beugré Mambé, Raquel Lyra, prefeita de Caruaru, entre outros.

Em mais uma etapa, os vendedores de utensílios de cozinha, roupas e calçados, que antes ficavam na Praça Dom Vital, foram abrigados no Centro de Comércio do Cais de Santa Rita
Em mais uma etapa, os vendedores de utensílios de cozinha, roupas e calçados, que antes ficavam na Praça Dom Vital, foram abrigados no Centro de Comércio do Cais de Santa RitaFoto: Carlos Augusto/PCR e Pedro de Paula/Semoc

O Bairro de São José foi palco de mais uma etapa do ordenamento do comércio informal, iniciado no dia 1º de setembro. No último domingo (15), 73 barracas dos comerciantes de utensílios de cozinha, roupas e calçados, que ficavam localizadas na Praça Dom Vital – na calçada oposta à Basílica da Penha -, foram realocadas pela Secretaria de Mobilidade e Controle Urbano do Recife (Semoc).

Agora, os trabalhadores recebem os seus clientes no o Centro de Comércio do Cais de Santa Rita, que fica próximo ao terminal de ônibus do bairro.

Foram construídos três novos equipamentos para abrigar os comerciantes que ficavam nas ruas de todo o bairro: o Centro de Comércio do Cais de Santa Rita, o Anexo do Mercado de São José e o Novo Mercado das Flores. Eles já estão em funcionamento e têm a capacidade de beneficiar cerca de 550 trabalhadores da área.

Com mais essa mudança, a Prefeitura do Recife dá um novo passo para a melhoria do ordenamento do Centro do Recife. O Mercado de São José, a Praça Dom Vital e a Basílica da Penha estão mais visíveis para o turista e para o recifense, o pedestre tem mais mobilidade e os comerciantes têm um lugar mais confortável e digno para comercializar seus produtos. Os novos espaços contam com banheiros e coberta, dando mais estrutura também aos clientes.

A primeira etapa do Centro de Comércio do Cais de Santa Rita está em funcionamento desde 2017, com cerca de 40 boxes de alimentação. A etapa que está sendo entregue agora tem capacidade para 374 bancas e boxes de roupas, alimentação, feira de frutas e verduras, fiteiros, estivas e alimentos como grãos, charque e frios em geral. Além desse equipamento, também foi entregue no dia 1º de setembro o Anexo do Mercado de São José, com 87 boxes de ervas medicinais e artigos religiosos, que antes ficavam no entorno no Mercado de São José, nas conhecidas barracas verdes.

O equipamento vai permitir a passagem de pedestres entre a Praça Dom Vital e o terminal de ônibus do bairro. Já o Novo Mercado das Flores, que antes funcionava próximo à sede do Consórcio Grande Recife, agora está com nova localização e funciona na continuidade do Centro de Comércio do Cais de Santa Rita. São cerca de 40 vendedores de flores beneficiados.

Para o secretário de Mobilidade e Controle Urbano do Recife, João Braga, o centro da cidade já mudou de cara. "Essa é uma nova fase para toda aquela área. O recifense merece essas melhorias, assim como o turista. Esse era um desejo antigo da nossa gestão e poder realizá-lo é uma grande alegria para todos nós. Os comerciantes estão felizes, a população está agradecida e nós estamos orgulhosos", comentou.

Feiras Novas - Em 2016 e 2017, já foram entregues as Feiras Novas de Água Fria, Afogados e Nova Descoberta, beneficiando mais de 650 comerciantes.

Foram construídos três novos equipamentos para abrigar os comerciantes que ficavam nas ruas de todo o bairro: o Centro de Comércio do Cais de Santa Rita, o Anexo do Mercado de São José e o Novo Mercado das Flores

Foram construídos três novos equipamentos para abrigar os comerciantes que ficavam nas ruas de todo o bairro: o Centro de Comércio do Cais de Santa Rita, o Anexo do Mercado de São José e o Novo Mercado das Flores - Crédito: Carlos Augusto/PCR e Pedro de Paula/Semoc

Responsável pela transformação da Comuna 13, uma das comunidades mais violentas de Medellín no passado, Carlos Mario Rodriguez
Responsável pela transformação da Comuna 13, uma das comunidades mais violentas de Medellín no passado, Carlos Mario RodriguezFoto: Divulgação

Compaz Ariano Suassuna recebe nesta terça-feira (17), às 15h, o arquiteto urbanista Carlos Mario Rodriguez, para palestra “Urbanismo Social: Medellín 20 anos. De transformação e inovação urbana”. O colombiano vai falar da sua experiência, tendo como destaque projetos de grande impacto na cidade. Leva assinatura dele, por exemplo, o projeto de mudança da Comuna 13, favela mais violenta na cidade nas décadas de 80 e 90, que passou a ter escadas rolantes, área de convivência e lazer na comunidade. O encontro é aberto ao público, até atingir a capacidade máxima do auditório, que são de 80 lugares.

Com vasto domínio na área de Planejamento Urbano, o profissional vai apresentar as possibilidades –técnicas e de integração entre setores– que é possível mudar realidades e oferecer espaços que geram melhor qualidade de vida para população carente.
Carlos Mario Rodriguez já ganhou vários prêmios nacionais e internacionais. Entre eles, “Ex Aequo”, na Bienal de Arquitetura de São Paulo-Brasil; do projeto urbano integral da Zona Nordeste da cidade de Medellín, na XXI Bienal de Arquitetura da Colômbia e da medalha de ouro na categoria Design Urbano, da XVI Bienal de Arquitetura de Quito, Equador.

SERVIÇO

Pauta: palestra com premiado arquiteto colombiano Carlos Mario Rodriguez
Data: terça, 17/09
Hora: 15h
Local: auditório do Compaz Ariano Suassuna
Endereço: Avenida General San Martin, 1208 – Cordeiro (esquina com a Abdias de Carvalho)

Prefeito colocou a necessidade da valorização do setor não apenas pela importância econômica para a região
Prefeito colocou a necessidade da valorização do setor não apenas pela importância econômica para a regiãoFoto: Andréa Rêgo Barros/ PCR

Lideranças políticas, empresários e setores da sociedade civil ligados ao setor sucroalcooleiro e a causa da energia limpa se reuniram na manhã desta segunda-feira (16), para o Fórum Nordeste 2019 - os desafios e oportunidades nos setores de biocombustíveis e energias limpas. O prefeito Geraldo Julio (PSB) participou da abertura desta que é a 11ª edição do evento e destacou a importância do momento para a defesa do etanol brasileiro.
  
“O mundo inteiro está debatendo a questão das mudanças climáticas e a necessidade de diminuir o uso de combustíveis fósseis. O uso de etanol, por exemplo, reduz em 70% as emissões de carbono, por isso ela deve ser valorizada aqui no Brasil, para que a gente possa cada vez mais usar os combustíveis renováveis e diminuir as emissões. O planeta já disse ‘basta’ há muito tempo”, destacou o prefeito Geraldo.

O prefeito, que é presidente para a América do Sul do ICLEI – Rede de Governos Locais Pela Sustentabilidade, organização ligada à ONU, colocou a instituição à disposição do Fórum para levar uma pauta tirada do evento para a Conferência Nacional do Clima, que acontece no Recife de 6 a 8 de novembro, como preparação para COP 25, no Chile.

O governador Paulo Câmara também destacou a relevância do debate "É uma honra nosso Estado sediar este encontro. Tenho consciência da relevância e urgência de todos esses temas sensíveis”, afirmou. “Esperamos que as discussões de hoje possam criar uma agenda que olhe os aspectos atuais voltados para o meio ambiente, mas que também dialoguem para a melhoria da produtividade e da geração de emprego, isso é fundamental. O Brasil precisa retomar o crescimento e com isso gerar emprego e renda para a população”, pontuou o governador.

Pernambuco é um dos principais produtores de etanol no Brasil. De acordo com o Sindicato da Indústria do Açúcar e do Álcool em Pernambuco (Sindaçúcar-PE), a produção de etanol na safra 2018/2019 aumentou em quase 35% em relação a 2017/2018, o que corresponde a 59% da colheita. Para este ano, a projeção para o estado, é de 420 milhões de litros de etanol para a safra 2019-2020. Em Pernambuco, das 12,5 milhões de toneladas de cana de açúcar estimadas para a próxima safra, serão produzidos 430 milhões de litros de etanol e 800 mil toneladas serão empregadas na produção de açúcar.

Representantes da iniciativa privada e pública, especialistas e autoridades participaram do Fórum. Além do prefeito Geraldo Julio e do governador, o evento recebeu o diretor-geral da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e biocombustíveis, Décio Oddone, Eduardo Sampaio, secretário de Política Agrícola do Ministério da Agricultura, Helvio Guerra, secretário-adjunto de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia e Efraim Morais, secretário de Desenvolvimento da Agricultura e Pesca da Paraíba, foram algumas das autoridades presentes no evento.

A terceira fase já foi iniciada e deve ser concluída em 120 dias. Investimento total chega a R$ 15 milhões
A terceira fase já foi iniciada e deve ser concluída em 120 dias. Investimento total chega a R$ 15 milhõesFoto: Andréa Rêgo Barros/ PCR

O prefeito Geraldo Julio (PSB) vistoriou as obras que estão em ritmo acelerado, nesta quarta-feira (11). Com um investimento total de R$ 15 milhões, a requalificação tem previsão de conclusão em novembro do próximo ano. Agora com floreiras, novas paradas de ônibus, bicicletários, papeleiras e calçadas alargadas, a Avenida Conde da Boa Vista, principal corredor de ônibus e de pedestres da cidade está ganhando nova forma, mais humana, com prioridade para pedestres e transporte público.

“Acabamos de fazer uma vistoria pudemos ver muitas modificações importantes, sobretudo para melhorar a situação do pedestre. Todo o projeto urbanístico foi pensado para priorizar as centenas de milhares de pessoas que passam por aqui todos os dias, desde os cruzamentos e travessias que foram mudados, diminuindo assim o tempo de percurso das vias, as novas paradas de ônibus, os bicicletários e todo o mobiliário”, destacou Geraldo.

Os usuários da Avenida Conde da Boa Vista já podem ver as mudanças implementadas pelo projeto. Nos trechos contemplados pelas duas etapas já executadas da obra, estão 38 novas floreiras, 15 papeleiras, dois bicicletários, oito novas paradas de ônibus com o total de 35 módulos.

O momento também serviu para vistoriar a implantação de um modelo dos quiosques que serão utilizados ao longo da via. Os novos equipamentos fazem parte de um mobiliário urbano mais adequado à comercialização de mercadorias nas calçadas, desenvolvido em conjunto com os comerciantes informais, como prevê o projeto da Nova Conde da Boa Vista.

Dessa forma, a via poderá contar com um comércio mais organizado, limpo e atrativo, tanto para os clientes transeuntes quanto para os próprios comerciantes, além de assegurar a adequada acessibilidade dos pedestres ao longo da via. A finalidade é o ordenamento do comércio popular, proporcionando condições dignas de trabalho e economicamente rentáveis para as famílias que sobrevivem dessa atividade na via.

Para Cid Lôbo Mendonça, presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife (CDL), que acompanhou as vistorias do local, a revitalização da avenida vai servir de incentivo para que mais pessoas venham consumir no centro. “Em todo o centro da cidade circulam mais de 700 mil pessoas por dia, por isso, a importância do pedestre ser o foco dessas melhorias. O prefeito está de parabéns, não só pelo olhar para a Boa Vista, como também para o ordenamento do Mercado São José, o controle do comércio informal, a recuperação das calçadas”, pontuou o presidente.

Ao todo a intervenção foi dividida em seis fases, separadas em duas frentes de obra. Já foram beneficiados os trechos compreendidos entre a Rua da Aurora e a Rua do Hospício; Rua do Hospício e a Rua Gervásio Pires; Rua Gervásio Pires e a Rua José de Alencar; e Rua José de Alencar e a Rua da Soledade (trecho Norte).

A já iniciada terceira fase contempla os trechos entre a Rua José de Alencar e a Rua da Soledade (Sul); Rua da Soledade e a Rua das Ninfas; e Rua das Ninfas a Rua Oswaldo Cruz.

O projeto – A Prefeitura do Recife propôs um projeto arrojado para a Avenida Conde da Boa Vista, principal corredor de transporte coletivo e circulação de pedestres da cidade. As obras foram iniciadas em março deste ano. O objetivo é humanizar e priorizar a circulação de pessoas na via. A Conde da Boa Vista tem 1,6 km de extensão e conecta o centro da cidade às zonas Norte e Oeste.

O projeto inclui iluminação em LED – com postes específicos para os pedestres; canteiro central ajardinado e floreiras nas calçadas; 90 árvores estão sendo plantadas; as calçadas terão, ao todo, mais de 2.000m² de ampliação com esquinas alongadas; as paradas de ônibus instaladas nas calçadas são mais modernas e confortáveis. Duas estações de BRT serão construídas no canteiro central.

A nova Conde da Boa Vista está recebendo ainda bicicletários e os quiosques para o comércio informal, desenvolvido em conjunto com os ambulantes. Rampas e pisos acessíveis, além de nova sinalização nas travessias dos pedestres – também com piso elevado; ilhas de travessia; mais lixeiras e nova programação semafórica, com foco também nos pedestres. Os que caminham na via, inclusive, vão ter mais oportunidades de atravessar com segurança. Hoje, eles têm cinco locais voltados para esse fim e, com o projeto, passarão a ter 13.

Avenida Conde da Boa Vista ganhou um bicicletário

Avenida Conde da Boa Vista ganhou um bicicletário - Crédito: Andréa Rêgo Barros/ PCR

Geraldo Julio entregou o Centro de Saúde Iná Rosa Borges
Geraldo Julio entregou o Centro de Saúde Iná Rosa BorgesFoto: Andrea Rego Barros / PCR

A requalificação do Centro de Saúde Iná Rosa Borges, no Vasco da Gama, foi entregue à população pelo prefeito Geraldo Julio (PSB), nesta terça (10), oferecendo uma estrutura de alto padrão e mais humanizada para o atendimento doa população. Com investimento de cerca de R$ 420 mil, a unidade teve melhoria estrutural, na compra de novos mobiliários e outros equipamentos.

"A entrega dessa unidade de saúde vai proporcionar uma melhoria na qualidade de vida de mais de 21 mil pessoas. Desde a estrutura que foi toda reformada, o mobiliário novo, informatização dos prontuários, ampliação dos serviços. O raio-x para o tratamento odontológico, por exemplo, vai dar muito mais condições para que todos tenha uma saúde de qualidade", afirmou o prefeito Geraldo Julio.

O prefeito ainda destacou que, apesar do cenário atual, a prefeitura tem se esforçado para oferecer um serviço de qualidade, com novas reformas e criação de novas unidades. "Com a crise prolongada muitas pessoas estão perdendo o plano de saúde, e com isso exigindo mais ao SUS, mas a Prefeitura vem fazendo um trabalho prioritário na saúde, requalificando e construindo novas unidades", pontuou o prefeito.

Reforma - As mudanças já podem ser vistas logo na entrada da unidade, que ganhou grafitagem na fachada e rampa de acessibilidade, para facilitar o acesso das pessoas com deficiência. A reforma também passou por substituição da coberta e do piso; troca das instalações elétricas e hidráulicas; colocação de cerâmica nas paredes e troca dos móveis. O consultório odontológico ganhou mais uma cadeira, além das duas que já havia, o que possibilitará três atendimentos simultâneos.

A unidade também foi informatizada e integrada ao Sistema de Regulação do Recife. Com o prontuário eletrônico, o profissional que atenderá o usuário poderá ver, por exemplo, por qual serviço de saúde ele foi encaminhado a quais procedimentos o paciente já foi submetido anteriormente. Outra mudança é na marcação de consultas, que passará a ser feita pelo Sistema de Regulação da Secretaria de Saúde do Recife, evitando que as pessoas precisem chegar cedo para pegar ficha. Com essa informatização, não haverá mais a formação de filas para marcação de consultas. De segunda a sexta (exceto nas manhãs de sexta), os usuários podem ir na Sala de Regulação para dar entrada na solicitação e, se já houver vaga, o paciente sai com o atendimento agendado.

Intervenções - Até o fim de 2020, 92 equipamentos de saúde da Prefeitura do Recife estão recebendo algum tipo de intervenção na estrutura física. Além das unidades de saúde, também estão passando por melhorias estruturais polos do Programa Academia da Cidade, Centros de Atenção Psicossocial (Caps), policlínicas, maternidades e outros prédios e equipamentos ligados à Sesau. As unidades foram selecionadas depois de um diagnóstico realizado no início deste ano.

Entre 2013 e 2018, foram investidos mais de R$ 40 milhões na infraestrutura da rede municipal de saúde, sendo realizadas cerca de 670 intervenções entre requalificações, manutenções e construções. Este ano, por exemplo, a Prefeitura entregou, com investimento de R$ 1,3 milhão, a Upinha Alto do Pascoal - a 13ª entregue pela atual gestão, beneficiando mais de 16 mil pessoas dos bairros do Alto Santa Terezinha, Linha do Tiro, Bomba do Hemetério e Água Fria.

Além das intervenções físicas nas unidades já existentes, a Prefeitura do Recife está investindo na construção do Hospital Eduardo Campos da Pessoa Idosa, em Areias; na Unidade Pública de Atendimento Especializado (UPA-E) do Ibura e nas Upinhas Vila Arraes, na Várzea, e Rio da Prata, no Ibura. Uma nova sede para a Unidade de Saúde da Família (USF) Pilar também será entregue, através da Empresa de Urbanização (URB).

Entre as grandes entregas da Secretaria de Saúde do Recife também estão o Hospital da Mulher do Recife, que ultrapassou a marca de mais de um milhão de atendimentos, em seu terceiro ano de funcionamento; e a UPA-E do Arruda, com investimentos respectivamente de R$ 118 milhões e R$ 6,7 milhões.

Geraldo Julio entregou o Centro de Saúde Iná Rosa Borges

Geraldo Julio entregou o Centro de Saúde Iná Rosa Borges - Crédito: Andrea Rego Barros / PCR

Projeto inovador idealizado por alunos da Escola Municipal Antônio de Brito Alves apresentou uma solução simples para um problema na comunidade
Projeto inovador idealizado por alunos da Escola Municipal Antônio de Brito Alves apresentou uma solução simples para um problema na comunidadeFoto: Divulgação

O Projeto “Ecobarreira: estratégia de educação sustentável para recuperar o Canal do ABC”, da Escola Municipal Professor Antônio Brito Alves, participa desta terça-feira (10) até sexta-feira(13/09) da Feira Internacional de Ciências e suas Tecnologias - MUESCIENTEC, em Assunção, no Paraguai. O trabalho foi credenciado para o evento internacional durante a 4ª Feira de Conhecimentos da Rede Municipal do Recife.

O Ecobarreiras consiste na junção de pequenas garrafas pets conectadas umas às outras através de um cabo até formar uma grande rede, o protótipo foi instalado no canal ABC, próximo à Escola Municipal, com a função de criar uma barreira e, assim, fazer com que o lixo fosse detido e não seguisse o fluxo das águas.

Os alunos Gleybson Waldir de Souza Suruagy e Maria Clara da Silva Sales representarão a equipe composta de 25 estudantes no Paraguai, e estarão acompanhados de uma das professoras orientadoras do projeto, Maria Das Dores da Silva Lopes. A inovação incentivou a comunidade a reduzir o descarte de recicláveis antes mesmo de serem lançados no ambiente. O trabalho teve como vertentes, atividades de Educação Ambiental voltadas para a população local, focado na sensibilização da problemática do lixo nos canais e seus impactos, bem como na importância da coleta e reciclagem.

A Feira Internacional de Ciências e suas Tecnologias - MUESCIENTEC - é promovida pelo Colégio San José em parceria com o Centro de Educação Sagrado Coração de Jesus (Salesianito). Os estudantes participam nas categorias investigadores infantis (11 a 15 anos - Fundamental) e investigadores juvenis (16 a 18 anos - Médio e Técnico). Projetos das áreas de Meio Ambiente, Agroindústria, Engenharia e Tecnologia, Medicina e Saúde, Biologia, Química, Física e Ciências Sociais, elaborados durante o ano ou aprovados em feiras afiliadas.

FeNaDANTE

O Projeto também participará da 1ª FeNaDANTE: Feira Nacional de Ciência e Tecnologia Dante Alighieri, de 11 a 14/09, no Colégio Dante Alighieri, no Morumbi, São Paulo. O estudante Carlos Henrique Barbosa da Silva e o professor Alexandre Conte Oliveira apresentarão a Ecobarreira nesse evento que reúne projetos em todas as áreas de pesquisa feitos por estudantes do 9º ano do Ensino Fundamental à 3ª série do Ensino Médio de todo o Brasil.

Após 24 anos da construção, prefeito entregou nesta sexta-feira (6) a unidade totalmente renovada e pronta para dar atendimento de mais qualidade para população
Após 24 anos da construção, prefeito entregou nesta sexta-feira (6) a unidade totalmente renovada e pronta para dar atendimento de mais qualidade para populaçãoFoto: Andréa Rêgo Barros/ PCR

Um ambiente de saúde renovado e totalmente requalificado foi entregue nesta sexta-feira (6) para os moradores da Comunidade Dancing Days, na Imbiribeira. Após passar por ampla reforma, a Unidade de Saúde da localidade foi entregue à população pelo prefeito Geraldo Julio, nesta sexta-feira (6). O investimento foi de R$ 120 mil e o recurso foi usado na melhoria da estrutura física e na aquisição de novo mobiliário da unidade, construída em 1995.

"Aqui são mais de 2.800 pessoas atendidas. A unidade de Dancing Days está com uma equipe toda montada com médicos, odontólogos, enfermeiros. E agora nossa unidade de saúde da família está aqui toda preparada para estes profissionais prestarem um atendimento de qualidade a essa população. Existem muitas comunidades no Recife que ainda precisam de muita coisa, essa aqui é uma delas, mas a gente está avançando, agora na área da saúde", afirmou o prefeito Geraldo Julio.

De acordo com o secretário Jailson Correia, a unidade está pronta para atender melhor à população. "Tanto do ponto de vista da segurança, como no conforto das pessoas que vêm aqui - usuários e trabalhadores. Temos todos os espaços com ar-condicionado, a informatização de todos os espaços, a farmácia, a sala de vacina, sala de curativos, sala de espera para atender melhor essa população aqui de Dancing Days", detalhou o secretário.

E a tarefa de requalificar as unidades de saúde continua. O secretário explicou que há R$ 9 milhões previstos para serem aplicados na recuperação de cerca de 100 equipamentos até o fim do próximo ano. Além das unidades de saúde, também estão passando por melhorias estruturais polos do Programa Academia da Cidade, Centros de Atenção Psicossocial (Caps), policlínicas, maternidades e outros prédios e equipamentos ligados à Sesau. As unidades foram selecionadas depois de um diagnóstico realizado no início deste ano.

A PCR investiu R$ 120 mil na melhoria da estrutura física e na aquisição de novo mobiliário da unidade que existe desde 1995. As mudanças são notadas desde a entrada, com a troca da placa e recuperação da fachada do posto de saúde, que foi pintado. Portas e janelas foram trocadas, assim como a coberta, o piso e as cerâmicas das paredes internas. Também houve revisão das instalações elétricas e hidráulicas. Os dois consultórios, a sala de vacina, a farmácia, as salas de curativo e a de coleta de material para exames, além da sala de reunião e a copa, estão novos.

Na unidade, atuam uma equipe de Saúde da Família (composta por médica, enfermeira, técnica de enfermagem e seis agentes comunitários de saúde), uma equipe de Saúde Bucal (com um cirurgião-dentista e um auxiliar de Saúde Bucal) e uma equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família. O atendimento é das 7h às 16h, de segunda a sexta-feira. Enquanto a unidade passava pelas intervenções, os moradores de Dancing Days estavam sendo atendidos no Centro de Saúde Romildo Gomes, também localizado na Imbiribeira.

Moradora da localidade há mais de 40 anos, dona Hosana Celestina da Silva, 68 anos, comemorava a entrega do posto novo. "Agora ficou muito melhor, ampliado e com mais espaço para os atendimentos. As médicas são ótimas", disse.

MEGAMUTIRÃO - A comunidade de Dancing Days também passou na última semana pelas intervenções do megamutirão do Mais Vida nos Morros. A área ganhou uma pista de caminhada, parquinho para as crianças, horta, jardim suspenso e espaços de convivência.

"Mais de 2 mil pessoas trabalharam voluntariamente numa transformação, numa mudança de comportamento numa cidadania ativa para cada um cuidar daquele local onde mora e cada um viver melhor no seu bairro", afirmou o prefeito.

A PCR investiu R$ 120 mil na melhoria da estrutura física e na aquisição de novo mobiliário da unidade que existe desde 1995

A PCR investiu R$ 120 mil na melhoria da estrutura física e na aquisição de novo mobiliário da unidade que existe desde 1995 - Crédito: Andréa Rêgo Barros/ PCR

Na unidade, atuam uma equipe de Saúde da Família, uma equipe de Saúde Bucal e uma equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família

Na unidade, atuam uma equipe de Saúde da Família, uma equipe de Saúde Bucal e uma equipe do Núcleo de Apoio à Saúde da Família - Crédito: Andréa Rêgo Barros/ PCR

comece o dia bem informado: