Bolsonaro nomeia ex-chefe de gabinete de Ciro Nogueira para o FNDE

Nomeação indica aceno do presidente com o chamado "centrão", em troca de apoio no parlamento

Marcelo Lopes da Ponte, ex-chefe de gabinete do senador Ciro Nogueira (PP) foi nomeado para a presidência do FNDEMarcelo Lopes da Ponte, ex-chefe de gabinete do senador Ciro Nogueira (PP) foi nomeado para a presidência do FNDE - Foto: Divulgação


A nomeação pelo governo federal de Marcelo Lopes da Ponte, ex-chefe de gabinete do senador Ciro Nogueira (PP-PI), publicada no Diário Oficial da União (DOU), nesta segunda-feira (1º), para a presidência do FNDE (Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação) foi percebida por muitos em Brasília como mais um aceno de Jair Bolsonaro (sem partido) com o chamado "centrão". Marcelo Lopes ocupará o lugar de Karine Silva do Santos, demitida do cargo no mesmo dia.

Os movimentos do presidente de nomear cargos para o centrão têm se intensificado nas últimas semanas. O FNDE integra o Ministério da Educação e contou com orçamento de R$ 55 bilhões em 2019, sendo responsável pelas ações e programas da educação básica do país, tais como a alimentação e o transporte escolar e a educação profissional e tecnológica e no ensino superior. Os partidos do centrão garantem ao presidente o número de votos suficientes para evitar os mais de 30 processos de impeachment que estão sob análise do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM).

O Centrão reúne partidos situados na centro-direita e tem participado ao longo da história política do país de negociações por cargos em troca de dar sustentação a governos no parlamento.

Leia também:
67% rejeitam aproximação de Bolsonaro com o centrão, diz Datafolha
Indicados pelo centrão e nomeados por Bolsonaro já ocuparam cargos até em gestões da oposição


A nomeação foi assinada pelo ministro da Casa Civil, Braga Netto. Foi publicada também a exoneração da antiga presidente do FNDE, Karine Silva dos Santos. Cargos de peso em órgãos como o FNDE e o Departamento Nacional de Obras Contra as Secas (Dnocs) também foram entregue a nomes indicados pelo grupo.

Veja também

Fux deve incluir menção às Forças Armadas em discurso com resposta a ameaças golpistas
STF

Fux deve incluir menção às Forças Armadas em discurso contra ameaças golpistas

Moraes, do STF, manda PF retomar investigação que apura se Bolsonaro interferiu na corporação
DECISÃO

Moraes, do STF, manda PF retomar investigação que apura se Bolsonaro interferiu na corporação