Bolsonaro quer doar mais de R$ 1 mi de sobras de campanha

Dinheiro será destinado a instituições de caridade

Presidente eleito Jair BolsonaroPresidente eleito Jair Bolsonaro - Foto: Tânia Rego/Agência Brasil

O presidente eleito Jair Bolsonaro usou sua conta no Twitter na manhã desta sexta-feira (14) para informar que pretende doar as sobras de campanha para instituições de caridade. Segundo ele, restou mais de R$ 1 milhão.

“Continuamos fazendo gestões para viabilizar a doação do restante dos recursos arrecadados em campanha não utilizados [+ de R$ 1.000.000] às instituições beneficentes ao invés deste valor ficar preso ao partido”, disse o presidente eleito. 

Leia também:
TSE aprova com ressalvas contas de campanha de Bolsonaro
Bolsonaro quer doar resto de campanha para hospital em Juiz de Fora


O relatório final do PSL apresentado ao TSE diz que a campanha do presidente eleito teve R$ 4,377 milhões em receitas, sendo R$ 3,728 milhões recebidos na modalidade “financiamento coletivo”.

Advogados de Bolsonaro consultaram o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sobre a possibilidade de doações para entidades beneficentes.

A Resolução 23.553/2017 do TSE define que os partidos políticos são responsáveis pela transferência de eventuais sobras de campanha. O capítulo 2 da resolução trata exclusivamente sobre “sobras de campanha”.

Veja também

Popularidade de Bolsonaro cai em plena segunda onda da pandemia no Brasil
Política

Popularidade de Bolsonaro cai em plena segunda onda da pandemia no Brasil

Vereador quer assistência psicológica nas escolas municipais do Recife
BLOG DA FOLHA

Vereador quer assistência psicológica nas escolas municipais do Recife