Câmara aprova crédito para vários ministérios; Senado não votou

Sessão foi encerrado antes do Congresso finalizar votação do projeto

Câmara dos DeputadosCâmara dos Deputados - Foto: Antônio Cruz/ Agência Brasil

O Congresso Nacional votou na noite desta terça-feira (8) o Projeto de Lei (PLN) 18/19, que remaneja R$ 3,04 bilhões do Orçamento da União para vários órgãos do Executivo, contemplando também emendas parlamentares. O texto foi aprovado na Câmara, mas a sessão foi encerrada antes da votação no Senado ser concluída.

O texto do PLN prevê que, entre os órgãos que receberão recursos, estão o Ministério do Desenvolvimento Regional, que receberá um crédito adicional de R$ 1 bilhão, o Ministério da Saúde, que terá R$ 732 milhões, e o da Defesa, com R$ 541,6 milhões.

Leia também:
Congresso mantém veto parcial à lei sobre proteção de dados
Reitores comemoram desbloqueio de verbas do MEC

A medida prevê ainda o cancelamento de R$ 1,16 bilhão do Ministério da Educação (MEC). No entanto, parte desse montante, R$ 230 milhões, será redirecionado dentro da própria pasta. Ao final, o saldo líquido é um corte de R$ 927 milhões.

Veja também

Tribunal do PR arquiva investigação contra juíza que citou raça em sentença
JUSTIÇA

Tribunal do PR arquiva investigação contra juíza que citou raça em sentença

Danilo Cabral critica retirada de recursos do Fundeb para o Renda Cidadã
Eleições 2020

Danilo Cabral critica retirada de recursos do Fundeb para o Renda Cidadã