Decisão de Marco Aurélio é 'bastante amadurecida', diz Gleisi

"Estamos acompanhando de perto o desenrolar na vara de execuções penais e achamos que, com isso, a Justiça é feita no Brasil", afirmou Gleisi Hoffmann

Gleisi HoffmannGleisi Hoffmann - Foto: Lula Marques/PT

Em entrevista a jornalistas em Brasília, a presidente nacional do PT, senadora Gleisi Hoffmann, afirmou que a decisão liminar do ministro Marco Aurélio Mello é "bastante amadurecida". Ela afirmou, também, que o partido já tomou todas as medidas judiciais cabíveis, como o pedido de alvará de soltura abrindo mão de exames de corpo de delito, segundo ela, para que o ex-presidente Lula seja liberado ainda nesta quarta-feira (19).

Leia também
Marco Aurélio deu presente de Natal a Lula, diz procurador ex-Lava Jato
'Equivocada e isolada', diz Dallagnol sobre decisão de Marco Aurélio
Decisão de Marco Aurélio não afeta prisões de Cabral, Pezão e Cunha


"Estamos acompanhando de perto o desenrolar na vara de execuções penais e achamos que, com isso, a Justiça é feita no Brasil", afirmou Gleisi. Questionada se não espera uma guerra de liminares na Justiça, a líder petista afirmou que recursos e reconsiderações são sempre possíveis. "Mas estamos falando de uma decisão de um ministro do Supremo Tribunal Federal, que tem uma ação em suas mãos. Acredito que é uma decisão bastante amadurecida", afirmou.

Gleisi também afirmou que seria natural se Procuradoria-Geral da República recorresse da decisão do ministro Marco Aurélio: "As partes recorrem, é um direito que têm". A senadora disse está viajando a Curitiba, acompanhada pelo deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) e por outros colegas parlamentares para "receber o presidente Lula e, se Deus quiser, a gente ainda tê-lo nesta quarta do nosso lado".

Em Brasília, o líder do PT na Câmara, Paulo Pimenta (RS), também pediu a soltura de Lula nesta quarta. "Queremos o cumprimento da decisão ainda hoje", afirmou.
"Vou falar com ele (Lula) hoje à noite. Vou dar abraço nele em nome de todos os brasileiros e brasileiras que estão aguardando a liberdade dele há muito tempo", disse.

Veja também

Acusado de rifar Temer, Pacheco busca sair da sombra de Alcolumbre
Senado

Acusado de rifar Temer, Pacheco busca sair da sombra de Alcolumbre

Tebet modulou postura independente e combativa para romper resistências
Senado

Tebet modulou postura independente e combativa para romper resistências