política

Ex-ministro Sergio Moro e João Amoêdo, do Novo, trocam afagos nas redes sociais

Desde que deixou o posto no governo federal, o ex-juiz tem sido procurado por representantes de alguns partidos interessados em recebê-lo para uma carreira política

Sérgio Moro, ex-ministro da JustiçaSérgio Moro, ex-ministro da Justiça - Foto: Ministério da Justiça/Flickr

O ex-ministro da Justiça Sergio Moro e o ex-candidato presidencial João Amoêdo, um dos fundadores do partido Novo, trocaram gentilezas nas redes sociais nesta terça-feira (14).

Desde que deixou o posto no governo federal, o ex-juiz tem sido procurado por representantes de alguns partidos interessados em recebê-lo para uma carreira política.

Amoêdo compartilhou uma reportagem de O Estado de S. Paulo sobre grupo de advogados de movimento de resistência a registro de Moro na OAB. O banqueiro, então, classificou a postura como "lamentável".

 



"Ao invés de valorizar e reconhecer quem realizou um trabalho histórico e corajoso, enfrentando a corrupção e a impunidade, determinados grupos procuram manchar reputações ilibadas, como a de @SF_Moro", escreveu.

Em resposta, o ex-ministro do governo Jair Bolsonaro (sem partido) agradeceu. "Obrigado pelo apoio @joaoamoedonovo. Sigo firme acreditando nos meus princípios mesmo arcando com as consequências", escreveu.

Veja também

Senadores devem votar na quinta proposta de auxílio emergencial para o esporte
Senado

Senadores devem votar na quinta proposta de auxílio emergencial para o esporte

Vice de João Campos é o posto mais cobiçado na Frente Popular
Blog da Folha

Vice de João Campos é o posto mais cobiçado na Frente Popular