Política

Foto oficial de Bolsonaro é incluída na galeria de presidentes no Planalto

Exposição exibe retratos dos presidentes que governaram o país desde a Proclamação da República, em 1889

A maneira de governar do presidente é aprovada por 51% dos entrevistados e desaprovada por 40%. A maneira de governar do presidente é aprovada por 51% dos entrevistados e desaprovada por 40%.  - Foto: Alan Santos/PR

O Palácio do Planalto incluiu nesta quarta-feira (3) o retrato oficial do presidente Jair Bolsonaro (PSL) na Galeria dos Presidentes da República, que fica no andar térreo do prédio, em Brasília.

A exposição exibe retratos dos presidentes que governaram o país desde a Proclamação da República, em 1889. Abaixo da fotografia constam o nome, a data de nascimento e, quando é o caso, a data de morte.

Leia também:
Bolsonaro vai receber presidentes de partidos para debater Previdência
'Vamos jogar pesado na [reforma da] Previdência', diz Bolsonaro

Os retratos em preto e branco costumam ser pendurados na galeria de fotos apenas quando o presidente deixa o cargo. No início do mandato, a Presidência da República sempre coloca na galeria o retrato colorido de quem assumiu o cargo, mas costuma ser retirado na sequência a pedido do próprio retratado.

A foto oficial de Bolsonaro foi feita no dia 7 de janeiro no Palácio da Alvorada, pela equipe da Secretaria de Comunicação Social, e divulgada três dias depois pelas redes sociais do presidente.

Seu antecessor, Michel Temer (MDB), demorou mais de dois anos para disponibilizar seu retrato durante o exercício do cargo, o que ocorreu apenas em 11 de dezembro de 2018.

Veja também

PL contraria orientação do Planalto e indica Lincoln Portela para vice-presidência da Câmara
Brasília

PL contraria orientação do Planalto e indica Lincoln Portela para vice-presidência da Câmara

Cacique Raoni pede ajuda a Lula antes de viagem à Europa
Causa Indígena

Cacique Raoni pede ajuda a Lula antes de viagem à Europa