Imprensa internacional destaca condenação de Lula em 2ª instância

O jornal britânico "The Guardian" afirmou que o resultado "complica os planos de Lula para concorrer a um terceiro mandato

Lula no jornal americano The Washington PostLula no jornal americano The Washington Post - Foto: Reprodução

A votação dos desembargadores da 8ª Turma do TRF-4 (Tribunal Federal da 4ª Região) que confirmou por unanimidade a condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva no caso do tríplex em Guarujá (SP) ganhou destaque na imprensa internacional nesta quarta-feira (24).

O revisor Leandro Paulsen, o relator João Pedro Gebran e o juiz federal Victor Laus votaram por aumentar a pena do petista para 12 anos e um mês de prisão. Em julho de 2017, o juiz Sergio Moro havia dosado a sentença em 9 anos e meio.

Leia também:
Contra vitimização de Lula, Temer pede silêncio de equipe ministerial
Defesa de Lula pode recorrer de decisão do TRF4 que manteve condenação
Lula pode ser preso em pouco tempo, dizem criminalistas
Tribunal mantém condenação de Lula por unanimidade


Com a decisão do tribunal pela manutenção da condenação do ex-presidente, o britânico "The Guardian" afirmou que o resultado "complica os planos de Lula para concorrer a um terceiro mandato". Segundo o jornal, o julgamento marca uma "extraordinária mudança de sorte para o líder mais popular da história moderna do Brasil".

O espanhol "El País" afirmou que a condenação "compromete as aspirações do político de esquerda para um novo mandato nas eleições de outubro". O jornal faz a ressalva que o petista pode "apelar para atrasar a execução e economizar tempo na tentativa de chegar a uma eleição" e diz que Lula "dominou a política nos últimos 30 anos" e é apontado como favorito pelas pesquisas presidenciáveis.

O americano "The Washington Post" tuitou que a corte brasileira confirmou convicção de corrupção do ex-presidente Lula "potencialmente encerrando a carreira do icônico líder latino-americano". Segundo o jornal, a decisão "complica o retorno político de uma das figuras mais conhecidas da América Latina".

O argentino "Clarín", por sua vez, afirmou que a candidatura de Lula está "à beira da suspensão". O jornal transmitiu o julgamento ao vivo em seu site. A notícia é manchete do site "La Nación", também da Argentina, que afirmou que a decisão gerou uma "grande desilusão e raiva entre dezenas de milhares de petistas e membros de movimentos sociais simpatizantes a Lula". O jornal lembra que a defesa de Lula ainda tem várias possibilidades de apelação e já adiantou que usará todos os seus recursos.

"Mas o pedido mais importante será o pedido cautelar feito ao TSE (Tribunal Superior Eleitoral) para que a candidatura do ex-presidente possa ser registrada enquanto se esgotam todos os recursos jurídicos", diz trecho da reportagem.

O francês "Le Monde" se refere a Lula como o "pai dos pobres" e afirma que a sentença será aplicada somente depois de todos os recursos terem sido esgotados.

Veja também

Carlos quer explorar potencial turístico dos mercados públicos do Recife
Eleições 2020

Carlos quer explorar potencial turístico dos mercados públicos do Recife

Alberto Feitosa promete acompanhamento pedagógico de crianças com necessidades especiais
Eleições 2020

Alberto Feitosa promete acompanhamento pedagógico de crianças com necessidades especiais