João Leite está na frente de Kalil, em Belo Horizonte

Brancos, nulos e indecisos somam 35%, diz Datafolha

Afonso PadilhaAfonso Padilha - Foto: Facebook/Reprodução

Pesquisa Datafolha divulgada nesta quarta-feira (12) mostra que o candidato à Prefeitura de Belo Horizonte João Leite (PSDB) está na frente na disputa do segundo turno na capital mineira, com 36% das intenções de voto, ante 29% atribuídos ao seu adversário, Alexandre Kalil (PHS).

Mas há, ainda, conforme o levantamento, uma parcela considerada expressiva que afirma que votará em branco ou anulará o voto no próximo dia 30 (22% no total) ou que está indecisa (13%).

A pesquisa, contratada pela Folha de S.Paulo e pela TV Globo, tem margem de erros de três pontos percentuais, para mais ou para menos, e entrevistou 1.024 pessoas nesta terça-feira (11).

Leite aparece à frente entre as mulheres, com 37% das intenções de voto, ante os 24% atribuídos a Kalil. Entre os homens, cada um tem 35%. Entre os eleitores com renda familiar mensal de até dois salários mínimos, a vantagem de Leite é maior: 41% a 23%.

Considerando-se somente os votos válidos -excluindo-se brancos, nulos e eleitores indecisos-, o candidato tucano atinge 55%, ante 45% de Kalil. Essa é a forma usada pela Justiça Eleitoral para a contabilização e divulgação do resultado da eleição. No primeiro turno, Leite atingiu 33,40% dos votos válidos e Kalil, 26,56%.

O nível de confiança da pesquisa, registrada no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) sob o número MG-08727/2016, é de 95%. Isso significa que, considerando a margem de erro, a chance de o resultado retratar a realidade é de 95%.

Decisão do voto
A pesquisa mostrou ainda que a maioria dos eleitores da capital mineira (54%) decidiu em quem votaria no primeiro turno pelo menos um mês antes da votação, ocorrida no último dia 2.

Outros 13% afirmaram ter decidido o voto 15 dias antes da votação, mesmo índice dos entrevistados que disseram ter resolvido em quem votar no próprio dia da eleição.
Para 11% dos entrevistados, a decisão sobre o candidato ocorreu uma semana antes, enquanto 7% disseram ter decidido na véspera.

Entre os eleitores de Leite, 16% afirmaram ter decidido por ele no dia da votação, ante 8% dos eleitores de Kalil no primeiro turno.

I,agem dos candidatos
De acordo com a pesquisa Datafolha, João Leite é considerado simpático por 66% dos entrevistados e é moderno e competente -ambas citadas por 57%.

Também foi apontado como humilde e democrático por 53% dos entrevistados e, para 67%, tem opção preferencial por trabalhar em equipe. É visto como antipático por 20% dos eleitores.

Já Kalil atinge índices acima de 50% ao ser apontado como autoritário pelos eleitores entrevistados (59%), competente e orgulhoso (ambos com 51%). Para 47%, ele é antipático -37% o consideram simpático.

Veja também

Moraes manda soltar blogueiro bolsonarista mas impõe restrições
STF

Moraes manda soltar blogueiro bolsonarista mas impõe restrições

Sob pressão de ideológicos, Feder diz que recusa convite para o MEC
Política

Sob pressão de ideológicos, Feder diz que recusa convite para o MEC