João Paulo ataca candidatura rival

O que posso assegurar politicamente, quem me conhece, faço política há 46 anos na cidade

Um Banho de VidaUm Banho de Vida - Foto: Pagu Pictures/Divulgação

 

Em resposta às últimas críticas do prefeito Geraldo Julio (PSB) e de seus aliados sobre o suposto "erro" na estratégia de campanha do PT, o candidato à Prefeitura do Recife, João Paulo (PT), soltou o verbo. Nesta quarta-feira, durante sua visita ao Parque Dona Lindu, em Boa Viagem, onde comemorou o Dia das Crianças com seus netos, o petista afirmou que não tem nenhuma acusação exibida no seu guia eleitoral que não possa falar pessoalmente no "olho" do adversário. Na última terça-feira, o socialista afirmou que a coligação rival estava divulgando boatos e acusações com o intuito de denegrir a imagem do PSB. Além disso, disse que seus opositores fazem denúncias "na escuridão do anonimato" e apelam para "vencer a campanha a qualquer custo".

"Se é anônimo não sabemos quem é. O que posso assegurar politicamente, quem me conhece, faço política há 46 anos na cidade, não tem nada que eu possa dizer que não possa olhar no rosto dele", alfinetou João Paulo.

Além disso, o petista acusou Geraldo de agir de forma "perversa" contra o PT. "Ele vem no trabalho sistemático no programa dele desqualificando o PT, desconstruindo a imagem do PT. Um governo que foi tão bem ajudado pelo presidente Lula e a presidente Dilma, que ele trata de forma perversa. E trata de forma perversa também o período que ele trabalhou como assessor no meu governo e o período que o PSB dele foi vice de João da Costa quatro anos. Ou seja, ele participou ativamente dos 12 anos do governo do PT", lembrou.

O candidato a vice-prefeito do Recife pela coligação Frente Popular, Luciano Siqueira (PCdoB), também foi alvo de João Paulo. O comunista tem lançado críticas diretas às gestões petistas, ressaltando que em pouco tempo, o socialista fez mais do que a gestão do PT em 12 anos. No entendimento de João Paulo, o ex-aliado está faltando "com o mínimo de coerência". “Na verdade estou desconhecendo essas atitudes de Luciano. Não esperava jamais isso dele (...). Acho que as pessoas não podem fazer tudo para ficar no poder, principalmente quando está numa vaga de vice”, concluiu.

Guia

O guia eleitoral de televisão de João Paulo não foi ao ar, nesta quarta à noite. Ele teria descumprido decisão da Justiça Eleitoral, ao não retirar do ar um vídeo com acusações contra Geraldo Julio.

 

Veja também

Marcos Pontes participa de evento sobre pesquisa da nitazoxanida
Saúde

Marcos Pontes participa de evento sobre pesquisa da nitazoxanida

YouTube bloqueia vídeo de campanha de Russomanno por desrespeitar direitos autorais da Fifa
SÃO PAULO

YouTube bloqueia vídeo de Russomanno com imagens da Fifa