João Paulo faz carreata pela Cidade

Em uma caminhada que durou 30 minutos pelo bairro de Afogados, na sexta-feira, o petista afirmou que não há possibilidade de virada de Daniel

Dupla ExplosivaDupla Explosiva - Foto: Divulgação

Como último ato de campanha, o ex-prefeito João Paulo (PT) pretende fazer uma grande carreata neste sábado (1º). O petista, que aparece nas pesquisas de intenção de voto como o segundo lugar na corrida pela prefeitura do Recife, também deve voltar ao Mercado de Água Fria para tomar café da manhã, um dia depois de fazer uma rápida passagem pelo local na sexta-feira (30).

Confiante de que não será ultrapassado pelo candidato Daniel Coelho (PSDB), João Paulo também acredita que estará no segundo turno da eleição municipal, que acontece neste domingo (2).

Em uma caminhada que durou menos 30 minutos pelo bairro de Afogados, ontem, o petista afirmou que não há possibilidade de virada de Daniel. “A minha diferença em cima dele é muito grande”, declarou. Contudo, o ex-prefeito disse, na última quarta-feira, que, em um eventual segundo turno, chamaria o tucano e a deputada estadual Priscila Krause (DEM) para conversar. Questionado se também conversaria com o Daniel, caso ele fosse ao segundo turno, João Paulo foi enfático. “Não existe essa possibilidade porque ele não vai para o segundo turno”, frisou João Paulo, que também visitou realizou mini carreatas no Ibura, na Zona Sul, e à noite no Engenho do Meio e na Roda de Fogo, ambos na Zona Oeste.

Encontro
Durante o percurso em Afogados, militantes do PSB e do PT se encontraram e trocaram provocações, na rua da Paz, próximo ao Largo da Paz. Apesar das trocas de farpas, não houve confronto físico. Em seguida, os apoiadores do prefeito Geraldo Julio deixaram o local em uma van. Após um breve discurso, o petista ironizou a presença dos militantes adversários.

“O que eu vi foi eles correrem quando eu ia passando. Eu vi eles tentando entrar aqui no mercado de Afogados e houve uma reação muito grande de rasgar material. Tanto prova que, em pouco tempo, eles chegaram e já tiveram que correr. Isso prova a insatisfação do povo com a atual gestão”, declarou.

Veja também

MP aumenta limite de gastos com cartão corporativo para pagar serviços sem licitação na pandemia
Gastos

MP aumenta limite de gastos com cartão corporativo para pagar serviços sem licitação na pandemia

Paulo Skaf, que se reuniu com Bolsonaro, está com Covid-19
Bolsonaro

Paulo Skaf, que se reuniu com Bolsonaro, está com Covid-19