Juntos, PP, PR e SD debatem espaço na majoritária

Augusto, Sebastião e Eduardo da Fonte foram à mesa em reunião, na sede do PP, na sexta-feira

Augusto continho--Eduardo-da-Fonte-e-Sebastião OliveiraAugusto continho--Eduardo-da-Fonte-e-Sebastião Oliveira - Foto: Divulgação

Os presidentes estaduais do PR, Sebastião Oliveira, do PP, Eduardo da Fonte, e do Solidariedade, Augusto Coutinho, estão atentos ao tamanho que as três siglas juntas representam para a Frente Popular. Os três iniciaram, então, um debate em conjunto sobre ocupação de espaços na chapa majoritária e sobre, eventualmente, formar de um bloco na Assembleia Legislativa. PR e PP já haviam articulado um bloco entre eles. O SD está alerta ao seguinte detalhe: a possibilidade de a deputada federal Luciana Santos ser indicada a vice na chapa de Paulo Câmara. Para a sigla, não seria confortável que essa hipótese, ventilada no Palácio das Princesas, se concretizasse. Luciana é adversária do prefeito de Olinda, Professor Lupércio, que concorrerá à reeleição em 2020, quando o Solidariedade teria que enfrentá-la, considerando sua condição de vice-governadora. Essa previsão é um dos fatores também que pesa no momento em que o SD recebe acenos do bloco de oposição, que estaria disposto a ceder a vice à sigla. Na última sexta-feira, Augusto, Sebastião e Eduardo da Fonte foram à mesa em reunião, na sede do PP, quando o tema foi levado à pauta. Sebastião não descartaria ocupar a vice do governador Paulo Câmara, e os progressistas ainda apostam na chance de ocupar uma das vagas do Senado, a despeito de terem ampliado sua cota na gestão estadual recentemente. O PP também discute uma candidatura única à presidência da Assembleia Legislativa. A legenda tem dois nomes colocados, Cleiton Collins e Eriberto Medeiros. Os três partidos ainda afunilam o entendimento. Mas, pela soma de seus tamanhos, as três legendas defendem que a escolha para a majoritária seja regida por uma "regra de proporcionalidade".

Também presentes
Além de Augusto Coutinho, Sebastião Oliveira e Eduardo da Fonte, o encontro na sede do PP reuniu ainda o deputado estadual Alberto Feitosa e o vereador Rodrigo Coutinho. Feitosa tem o nome cogitado para concorrer à Presidência da Assembleia Legislativa também.

Transtorno... > “Prevaleceu o bom senso”, comemora o deputado federal Betinho Gomes diante da retomada da parceria entre a Caixa e a Celpe, permitindo a volta do pagamento das contas de energia nas casas lotéricas em Pernambuco.

...a menos... >Desde a suspensão do convênio entre as duas empresas, no mês de maio, o parlamentar trabalhou para reverter tal decisão, que acarretou transtornos aos consumidores do Estado.

Acidente > Filho do deputado federal Mendonça Filho, Vinícius, de 24 anos, pré-candidato a deputado federal, sofreu acidente na BR-232 na noite de ontem. Teve uma luxação na clavícula. Foi transferido para o Hospital Santa Joana, mas estava bem. O motorista e o advogado da família faleceram. Estavam a caminho de Belo Jardim e o carro capotou na Encruzilhada de São João.

Lulista 1 >Pré-candidata ao Governo do Estado pelo PT, Marília Arraes realça o seguinte: "Pernambuco é o estado mais lulista junto com a Bahia. Lula chega a quase 70% de intenções de voto".

Lulista 2 > Marília emenda: "Então, é difícil alguém se posicionar bem numa eleição se não apoiar o presidente Lula, se não tiver o apoio do presidente Lula também". Fez as observações em entrevista, ontem, à TV 247, do Brasil 247.

Palanques > Marília posicionou-se após o governador Paulo Câmara antecipar que apoiará a candidatura de Lula. A estratégia do governo, como a coluna revelou no sábado, é dividir o apoio ao líder-mor do PT com a petista. Marília não ofereceu objeção.

Veja também

Haddad chama Bolsonaro de verme e diz que Doria deveria pautar impeachment no PSDB
Política

Haddad chama Bolsonaro de verme e diz que Doria deveria pautar impeachment no PSDB

'Gripezinha' e 'País de maricas': confira as frases de Bolsonaro sobre a pandemia
Política

'Gripezinha' e 'País de maricas': confira as frases de Bolsonaro sobre a pandemia