Investigação

Lava Jato: Polícia Federal cumpre mandados por fraudes na Petrobras

Seis agentes públicos participavam do esquema ilegal

Sede da Polícia Federal em BrasíliaSede da Polícia Federal em Brasília - Foto: Agência Brasil

Policiais federais cumprem, nesta terça-feira (20), sete mandados de busca e apreensão na 77ª fase da operação Lava Jato, no Rio de Janeiro e em Niterói. Chamada de operação Sem Limites IV, a ação investiga fraudes na gerência executiva de marketing e comercialização da antiga diretoria de abastecimento da Petrobras.

Segundo informações da Polícia Federal (PF), as fraudes ocorriam em negociações de óleos combustíveis e derivados de petróleo entre a empresa brasileira e companhias estrangeiras.

Ainda segundo a PF, um funcionário da Petrobras gerava artificialmente demandas que justificassem novas operações de compra e venda desses produtos. Nessas negociações, eram pagas comissões a intermediários envolvidos, que repassavam aos funcionários da Petrobras por meio de propinas.

As investigações são um desdobramento de colaborações premiadas de investigados na 57ª fase da Lava Jato, desencadeada em dezembro de 2018. Pelo menos seis novos agentes públicos foram identificados como participantes do esquema ilegal.

Veja também

Supremo julgará em dezembro reeleição de Maia e Alcolumbre
Política

Supremo julgará em dezembro reeleição de Maia e Alcolumbre

TSE autoriza envio de Força Federal para Manaus, Fortaleza e mais um município do Ceará
Eleições 2020

TSE autoriza envio de Força Federal para Manaus, Fortaleza e mais um município do Ceará