tempo

Lula cancela viagem a Goiás por falta de condições climáticas para pouso

Segundo Palácio do Planalto, agenda em Rio Verde, onde inauguraria obra da Ferrovia Norte-Sul, será remarcada

Presidente Luiz Inácio Lula da SilvaPresidente Luiz Inácio Lula da Silva - Foto: Evaristo Sá/AFP

O presidente Luiz Inácio Inácio Lula da Silva cancelou, nesta sexta-feira (16), a viagem que faria à cidade de Rio Verde, em Goiás, por falta de condições climáticas para pouso. A informação foi dada pelo Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República.

"Agenda do Lula em Rio Verde (GO) foi cancelada por falta de condições para o presidente pousar. Essa agenda vai ser remarcada. Viagens para Belém e Europa mantidas", informou o Palácio do Planalto. Lula chegou a se dirigir à Base Aérea de Brasília, mas o avião presidencial não chegou a decolar.

Lula iria a Rio Verde inaugurar um trecho da ferrovia Norte-Sul, obra iniciada em 1987. Ainda nesta sexta-feira, o presidente embarca para Belém para o anúncio oficial da realização da 30ª Conferência das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima (COP30) na capital paraense. A cúpula do clima da ONU será realizada pela primeira vez na Amazônia, em novembro de 2025.

O presidente também deve viajar na próxima semana para um encontro com o Papa Francisco, no Vaticano. O petista ainda deve estender sua permanência na Europa para participar de reunião que discutirá medidas de financiamento para ações climáticas, em Paris.

Veja também

Ministro Fernando Haddad perde o sono com devolução de MP do PIS/Cofins
PRESSÃO

Ministro Fernando Haddad perde o sono com devolução de MP do PIS/Cofins

Para que oposição? O PT se basta na hora de traçar estratégias
Folha Política

Para que oposição? O PT se basta na hora de traçar estratégias

Newsletter