Medida provisória libera R$ 47 milhões para segurança no Rio de Janeiro

O recurso extraordinário será destinado ao Ministério da Defesa para custeio das operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO)

Eduardo MaiaEduardo Maia - Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente da República em exercício, deputado Rodrigo Maia, assinou nesta segunda-feira (4) medida provisória que libera R$ 47 milhões para ações de segurança pública no estado do Rio de Janeiro. O recurso extraordinário será destinado ao Ministério da Defesa para custeio das operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO).

De acordo com a medida provisória, que será publicada terça-feira (5) no Diário Oficial da União, o montante será usado para “minimizar a grave ameaça à segurança e preservar a ordem pública no estado”.

Leia também:
Maia defende privatizações e questiona estabilidade no emprego público
Maia: Bolsonaro é 'competente', mas centro ganha eleição
Jarbas se reúne com Maia para tratar da reforma política


Pela manhã, em portaria publicada no Diário Oficial da União, o governo federal prorrogou a presença da Força Nacional de Segurança Pública no estado do Rio de Janeiro até 31 de dezembro deste ano.

Em maio, um reforço de 300 homens da Força Nacional foi enviado ao Rio de Janeiro para combate ao roubo de cargas e repressão ao crime organizado. Eles juntaram-se aos 125 policiais que já estavam em operação no estado, convocados durante movimento de paralisação da Polícia Militar e para garantir as votações de medidas fiscais na Assembleia Legislativa.

Veja também

Candidato de Bolsonaro na Câmara, Lira deve ser recebido por Covas em SP
Política

Candidato de Bolsonaro na Câmara, Lira deve ser recebido por Covas em SP

Pazuello faz reunião com embaixador da China para discutir crise das vacinas
Vacinas

Pazuello faz reunião com embaixador da China