Cargos

Michel Temer define nomes para a Justiça

Assim, Temer pretende conversar até a semana que vem com o ex-secretário de Segurança do Rio José Mariano Beltrame, do PMDB, sobre a possibilidade de ele assumir o posto.

Carlos Velloso foi escolhido para comandar o ministérioCarlos Velloso foi escolhido para comandar o ministério - Foto: Erivelton Viana

 

Após escolher o ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Carlos Velloso, para assumir o Ministério da Justiça, o presidente Michel Temer afirmou, ontem, que a Secretaria de Segurança Pública continuará sob o comando da pasta. Para turbinar a estrutura governamental, o Palácio do Planalto avaliava vinculá-la à Casa Civil ou à própria Presidência da República, mas mantendo o status de secretaria. Assim, Temer pretende conversar até a semana que vem com o ex-secretário de Segurança do Rio José Mariano Beltrame, do PMDB, sobre a possibilidade de ele assumir o posto.
Carlos Velloso foi indicado pelo PSDB, principal aliado da gestão peemedebista, e contempla o perfil “inquestionável” buscado - um nome que não passe a mensagem pública da possibilidade de interferência na Lava Jato.
Velloso já demonstrou disposição de assumir o cargo. Caso ele recue de última hora, contudo, Temer avalia o nome do vice-procurador-geral da República, José Bonifácio de Andrada. Na quarta, o presidente se encontrou com o procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Tanto Velloso como Beltrame só devem tomar posse após a aprovação do nome de Alexandre de Moraes para o STF pelo plenário do Senado. A expectativa é que isso ocorra na semana que vem.

 

Veja também

Eleições 2022 mantém maioria do eleitorado feminina, com 53%
TSE

Eleições 2022 mantém maioria do eleitorado feminina, com 53%

Vera Lúcia, do PSTU, registra de candidatura à Presidência no TSE
Eleições 2022

Vera Lúcia, do PSTU, registra de candidatura à Presidência no TSE