Não serei candidato, afirma Temer em entrevista

'Em política, as circunstâncias é que ditam a conduta. E as atuais mostram que não sou candidato', disse presidente

Presidente Michel TemerPresidente Michel Temer - Foto: Beto Barata / PR

O presidente Michel Temer afirmou nesta sexta-feira (23) que não será candidato à reeleição neste ano. "Em política, as circunstâncias é que ditam a conduta. E as atuais mostram que não sou candidato. Eu não serei candidato", disse, em entrevista à Rádio Bandeirantes. Perguntado se disputaria outro cargo, no caso para manter foro privilegiado, ele chamou as acusações contra ele de "pífias". "Não tenho nenhuma preocupação com essas denúncias pífias", disse.

Nos bastidores, contudo, o presidente avalia a possibilidade de disputar a reeleição. Para ser candidato, no entanto, ele sabe que precisa se viabilizar eleitoralmente até maio, prazo que estabeleceu para definir se tentará continuar no cargo. A meta do chamado "Plano Temer", estruturado pela equipe de marketing do emedebista, é elevar os índices de aprovação para 15% e reduzir os percentuais de rejeição para 60%.

Leia também:
Temer rebate Lula e nega 'significação eleitoral' em intervenção
Lula diz que Temer usa intervenção militar para 'se cacifar' na eleição

Aliados de Temer têm defendido que ele dispute neste ano. A onda de apoios cresceu desde que Temer decidiu intervir na segurança pública do Rio de Janeiro.
Na quarta (21), o presidente nacional do MDB, o senador Romero Jucá (RR) disse que Temer pode, sim, ser o candidato do partido à Presidência.  "O presidente Michel Temer é uma opção do MDB para ser candidato à Presidência da República se ele assim entender", afirmou Jucá.

Também na quarta, Elsinho Mouco, marqueteiro do Palácio do Planalto, divulgou nota em que defende a candidatura. "Não é de hoje que digo a todos com quem converso que um dia eu ainda o veria assumindo um papel maior do que seus adversários gostariam que tivesse", disse Mouco.

Veja também

Em Casa Amarela, João manda recado e diz que não se resolve problemas da cidade no grito
Eleições 2020

Em Casa Amarela, João manda recado e diz que não se resolve problemas da cidade no grito

Após votação na Câmara de Vereadores, Marília Arraes recebe apoio de rodoviários
Eleições 2020

Após votação na Câmara de Vereadores, Marília Arraes recebe apoio de rodoviários