Noronha intima juízes Rogério Favreto, João Pedro Gebran Neto e Sergio Moro

Eles foram intimados pelo corregedor nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, a prestar informações a respeito do episódio do Habeas Corpus concedido ao ex-presidente Lula

Conselho Nacional de JustiçaConselho Nacional de Justiça - Foto: Reprodução/Internet

O CNJ (Conselho Nacional de Justiça) informou que os desembargadores Rogério Favreto e João Pedro Gebran Neto, ambos do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), e o juiz federal Sergio Moro já foram intimados pelo corregedor nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, a prestar informações a respeito do episódio do Habeas Corpus concedido ao ex-presidente Lula e posteriores manifestações que resultaram na manutenção de sua prisão, no último dia 8.

Leia também:
CNJ recebe 6 representações contra juiz que mandou soltar Lula
Juízes ultrapassaram atribuições no caso Lula? Veja perguntas e respostas
Associação de juízes defende Moro e repudia ataques de políticos


O prazo para envio das informações é de 15 dias corridos, contados a partir de 1º de agosto, em virtude do recesso forense (2 a 31 de julho).

As representações recebidas pelo CNJ contra os magistrados foram sobrestadas e apensadas ao Pedido de Providências aberto pelo corregedor. O procedimento segue em segredo de Justiça.

Veja também

DEM expulsa Rodrigo Maia, que chama presidente do partido de 'Torquemada Neto'
Política

DEM expulsa Rodrigo Maia, que chama presidente do partido de 'Torquemada Neto'

Bolsonaristas reclamam de perda de seguidores no Twitter, que diz verificar contas suspeitas
Internet

Bolsonaristas reclamam de perda de seguidores no Twitter, que diz verificar contas suspeitas