País tem três presidentes em três horas neste sábado

Presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), assumiu quando Temer embarcou para a Alemanha e Maia viajou para compromisso na Argentina

Três presidentes em três horasTrês presidentes em três horas - Foto: Da redação

Três homens diferentes ocuparam a Presidência da República em um espaço de pouco mais de três horas neste sábado (8), com os retornos ao Brasil do presidente Michel Temer e do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), de missões oficiais ao exterior.

O presidente do Senado, Eunício Oliveira (PMDB-CE), amanheceu no comando do país. Ele havia assumido o exercício da Presidência na quinta-feira (6), quando Temer embarcou para a Alemanha para a reunião do G20 e Maia viajou para um compromisso na Argentina.

Pouco depois das 11h, Maia partiu de Buenos Aires e passou a ser o chefe do Executivo ao entrar no espaço aéreo brasileiro.

O presidente da Câmara, porém, ficaria na função por poucas horas. Segundo o cronograma da viagem de Temer, ele começaria a sobrevoar o território nacional por volta das 14h e, tecnicamente, reassumiria automaticamente o cargo.

A troca-relâmpago de comando acontece em um ambiente de desconfiança mútua entre o grupo de Temer e aliados de Maia. Partidos da base governista passaram a articular nos últimos dias a queda do presidente, que seria substituído no poder pelo presidente da Câmara.

Temer deve chegar a Brasília às 18h15. Auxiliares de Maia não descartam a possibilidade de o presidente da Câmara se deslocar até a base aérea para receber o peemedebista, em uma espécie de transmissão de cargo informal, comum nos embarques e desembarques de viagens presidenciais.

Veja também

Candidato de Bolsonaro na Câmara, Lira deve ser recebido por Covas em SP
Política

Candidato de Bolsonaro na Câmara, Lira deve ser recebido por Covas em SP

Pazuello faz reunião com embaixador da China para discutir crise das vacinas
Vacinas

Pazuello faz reunião com embaixador da China