Paulo Câmara muda postura e intensifica agenda nacional

Aliados admitem mudança de postura e ação mais “ativa”

Paulo Câmara (PSB)Paulo Câmara (PSB) - Foto: Rafael Furtado/ Folha de Pernambuco

Há uma mudança de estratégia em curso e ela inclui uma dedicação maior do governador Paulo Câmara à agenda nacional. A participação recente dele na Climate Week, em Nova York, faz parte desse roteiro. Antes de se dirigir ao evento, o socialista apresentou, aos governadores do Nordeste, a proposta de falar em nome deles e recebeu carta branca. Fez uma apresentação, demarcando posição em contraponto à passagem de Jair Bolsonaro pela Assembleia Geral das Nações Unidas. Na ocasião, concedeu entrevista ao jornal Valor Econômico. Além de apontar que a posição de Bolsonaro na ONU "levantou mais muros do que construiu pontes", defendeu a unidade das esquerdas em 2022 e disse que vai trabalhar por essa união. Aliados admitem que há uma mudança de postura e que ele está se "colocando mais na pauta nacional".

Nesta semana, o governador receberá o ministro-chefe da Secretaria de Governo da Presidência da República, Luiz Eduardo Ramos. Como a coluna antecipou, a agenda deve se configurar num movimento de aproximação institucional entre o Governo Federal e o Governo de Pernambuco. Fontes ligadas ao governador dizem que não dá para radicalizar de forma a prejudicar a pauta administrativa. No Palácio das Princesas, há previsão de agenda do governador com o ministro Sérgio Moro para o dia 21. No domingo, o The Washington Post estampou matéria sobre Fernando de Noronha, tratando a ilha como modelo de desenvolvimento sustentável para o Brasil e traçando novo contraponto em relação ao presidente Jair Bolsonaro. Ontem, Paulo Câmara cumpriu agenda em Brasília. Na pauta, assinatura de convênio com o BID e reuniões, junto com governadores do Norte e Nordeste, com os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia, e do Senado, Davi Alcolumbre, sobre a distribuição de recursos do pré-sal. Essa postura "mais ativa" de Câmara na esfera nacional inclui a ampliação do contato com jornalistas, que também deve ser intensificado daqui para frente.

 

Filiação de Edilson...
O ex-deputado estadual Edilson Silva já havia tido jantar com o governador Paulo Câmara, como a coluna antecipara, como passo prévio para sua filiação ao PCdoB. O ingresso na sigla, agora, tem data para ser formalizado. Será na próxima segunda-feira, às 19h, no restaurante Pé de Canela, em Santo Amaro.
...na segunda > Vice-governadora e presidente nacional do PCdoB, Luciana Santos estará presente, assim como o vice-prefeito do Recife, Luciano Siqueira, e os deputados Renildo Calheiros e João Paulo. Lideranças nacionais como Flávio Dino, Manuela D’Ávila e Jandira Feghali gravarão mensagens em vídeos.
Efeito Janot > O presidente da OAB-PE, Bruno Baptista, defende que o Judiciário no estado reveja a dispensa de revista de magistrados e membros do Ministério Público ao ingressar nos fóruns e tribunais. A medida, alinhada com a posição da OAB Nacional, foi defendida após as revelações do ex-procurador geral da República Rodrigo Janot de que entrou armado no STF para matar o ministro Gilmar Mendes.
Compulsivo > Em audiência pública sobre Reforma Política, na OAB-PE, o líder do PSB na Câmara, Tadeu Alencar, criticou a fragmentação de partidos: “Temos 28 legendas com representação na Câmara e mais de 50 para serem criadas. Nada justifica essa criação compulsiva de partidos políticos”.
Cara no sol > Para Tadeu, a proibição de coligações em eleições proporcionais, prevista para 2020, é uma das soluções para essa multiplicidade partidária. “Essa iniciativa obrigará que cada partido dispute com o próprio rosto, com seus valores e dará mais nitidez ao voto popular”, diz Tadeu. 

Veja também

Em novo recorde, eleições municipais têm mais de 545 mil candidatos
eleições

Em novo recorde, eleições municipais têm mais de 545 mil candidatos

Charbel Maroun defende corte de gastos na máquina pública e informatização de serviços
blog da folha

Charbel Maroun defende corte de gastos na máquina pública e informatização de serviços