PF deflagra operação baseada em delação premiada

A operação se baseia na delação premiada do empresário João Lyra

Polícia FederalPolícia Federal - Foto: Divulgação / Polícia Federal

A Polícia Federal realiza nesta quinta-feira (19) a operação Desintegração, que tem 52 mandados de busca e apreensão, todos autorizados pelo ministro Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF).

A operação se baseia na delação premiada do empresário João Lyra, apontado em investigações como operador financeiro de supostos esquemas criminosos em Pernambuco. As denúncias apontam irregularidades em obras no Nordeste, como a transposição do Rio São Francisco.

Veja também

Bolsonaro condecora Arthur Lira, Rodrigo Pacheco e Ibaneis Rocha com Ordem de Mérito Naval
Bolsonaro

Bolsonaro condecora Arthur Lira, Rodrigo Pacheco e Ibaneis Rocha com Ordem de Mérito Naval

Bolsonaro repete o filho, chama Renan de vagabundo e vê crime na CPI da Covid
CPI da Covid

Bolsonaro repete o filho, chama Renan de vagabundo e vê crime na CPI da Covid