PF faz operação para investigar Casa da Moeda

Suspeita-se que empresa privada tenha sido beneficiada no processo licitatório para compra de equipamentos utilizados na fabricação de cédulas de dinheiro

DinheiroDinheiro - Foto: Pixabay

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta sexta-feira (23) a Operação Vícios 2, que investiga irregularidades em licitação na Casa da Moeda do Brasil. Agentes cumprem seis mandados de busca e apreensão no Rio de Janeiro, São Paulo, São José dos Campos (SP), Itajubá (MG) e Brazópolis (MG).

"Há suspeita de que uma empresa privada tenha sido beneficiada no decorrer do procedimento licitatório destinado à aquisição de equipamentos utilizados na fabricação de cédulas de dinheiro. Os equipamentos foram adquiridos pela Casa da Moeda por mais de trezentos milhões de reais", afirma a PF, em nota.

Leia também:
Alvo da Lava Jato do Rio tentou usar bitcoins para enviar dinheiro ao exterior
Privatização da Casa da Moeda é tema polêmico
Polícia Federal deflagra 50ª fase da Operação Lava Jato


A PF investiga o suposto pagamento de propina para que houvesse interferência na licitação, ocorrida no ano de 2009. A operação é um desdobramento de investigação iniciada em 2015, quando foram cumpridos 25 mandados de busca e apreensão.

Veja também

Em Casa Amarela, João manda recado e diz que não se resolve problemas da cidade no grito
Eleições 2020

Em Casa Amarela, João manda recado e diz que não se resolve problemas da cidade no grito

Após votação na Câmara de Vereadores, Marília Arraes recebe apoio de rodoviários
Eleições 2020

Após votação na Câmara de Vereadores, Marília Arraes recebe apoio de rodoviários