Os deputados estaduais eleitos participaram, nesta terça (29), do Seminário Bem-Vindos à Casa Joaquim Nabuco.
Os deputados estaduais eleitos participaram, nesta terça (29), do Seminário Bem-Vindos à Casa Joaquim Nabuco.Foto: Heluizio Almeida

Os deputados estaduais eleitos participaram, nesta terça (29), do Seminário Bem-Vindos à Casa Joaquim Nabuco. O objetivo foi fazer uma apresetação sobre a estrutura e o funcionamento administrativo do Poder Legislativo. O evento, que se encerra nesta quarta (30), é voltado principalmente aos 25 novatos que ainda não ocupam mandato na Alepe e a dois suplentes, Sivaldo Albino e Professor Paulo Dutra, ambos do PSB. Estes últimos deverão ser convocados na 19ª Legislatura, que tem início na próxima sexta (1º), para as vagas de parlamentares licenciados para assumir cargos no Poder Executivo. Deputados da atual legislatura e assessores também participam das atividades.

O presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PP), que abriu o seminário, sublinhou a importância da atuação dos novos deputados para que o Legislativo pernambucano possa corresponder às cobranças da sociedade. “Sabemos da dificuldade que a classe política enfrenta a partir da deflagração de uma crise ética em nosso País nos últimos anos, mas a nossa missão é demonstrar, em respeito à nossa história, com trabalho diário e transparência, que a Casa tem participação central na mudança da vida dos pernambucanos.”

Leia também:
[Giro de Notícias] Confira os destaques desta quarta-feira
Disputa pela terceira-secretaria da Alepe
Governador apresenta secretariado na 1ª Assembleia da Amupe


Superintendente da Escola do Legislativo, órgão que realiza o evento, Sebastião Rufino frisou a necessidade de receber “de portas abertas” os novos integrantes. “É fundamental que os deputados iniciem os seus mandatos já tendo tomado conhecimento sobre as atividades do Poder Legislativo e também recebido todas as informações indispensáveis para o bom exercício das suas funções, além de saber quem são as pessoas que compõem o quadro da Alepe, com quem irão lidar nos próximos quatro anos”, observou.

O primeiro dia de seminário tratou dos pontos mais importantes do Regimento Interno da Assembleia, assim como do funcionamento de setores administrativos responsáveis por organizar o processo legislativo, oferecer apoio jurídico, prestar consultoria técnica aos parlamentares, receber reclamações da população e proporcionar assistência de saúde ocupacional aos deputados e servidores.

Na quarta-feira (30), entre outros temas, foram abordados assuntos referentes à gestão interna da Casa, à Previdência complementar, à segurança patrimonial e à comunicação institucional.

assuntos

comece o dia bem informado: