Governador Paulo Câmara enviou projeto à Alepe nesta sexta-feira
Governador Paulo Câmara enviou projeto à Alepe nesta sexta-feiraFoto: Wagner Ramos/Sei

Em mais uma sinalização para a categoria, o governador Paulo Câmara encaminhou, nesta sexta-feira (24) à Assembleia Legislativa de Pernambuco projeto de lei complementar alterando a composição do efetivo da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros Militar. A medida visa reforçar a valorização a carreira militar no âmbito do Estado.

Paulo Câmara ampliou em 300 as vagas de subtenente (200 em 2017 e 100 em 2018), que é o topo da carreira dos praças. Atualmente há 182 vagas para o posto. Em 2017, serão 382 vagas de subtenentes. Isso representa um crescimento de 109,89%.

“O Governo de Pernambuco enfatiza seu entendimento de que a observância da disciplina e o respeito à hierarquia são condições essenciais ao funcionamento regular das instituições militares, pelo que todas as providências têm sido adotadas para oferecer aos comandos militares as condições de liderança efetiva das corporações”, explicou Paulo Câmara.

“Mais que dobramos o número de vagas de subtenentes, numa demonstração da importância que damos à nossa tropa. Com esse projeto, complementamos o trabalho de valorização dos militares, iniciado com o reajuste dos soldos, já sancionado por mim, que estabeleceu as correções para os meses de maio de 2017, abril de 2018 e dezembro de 2018, com um reajuste médio de 25%”, afirmou o governador.

Com relação ao topo da carreira dos oficiais, que são os coronéis, o projeto de lei prevê a criação de 18 novas vagas (12 em 2017 e 6 em 2018).

assuntos

comece o dia bem informado: