Geneton Moraes Neto
Geneton Moraes NetoFoto: Reprodução

A Avenida Beira Rio, que corta os bairros da Madalena, Torre e Ilha do Retiro, no Recife, poderá se chamar "Avenida Geneton Moraes Neto", em homenagem ao jornalista e escritor, falecido em agosto de 2016. A pedido amigos, o pleito foi levado nesta quarta-feira (31) ao gabinete do prefeito Geraldo Julio (PSB), pelo secretário-executivo de Comunicação do Governo Paulo Câmara (PSB), Evaldo Costa.

A proposta, que leva o apoio de personalidades pernambucanas como a deputada estadual Terezinha Nunes (PSDB), Paulo Cunha, Sílvio Amorim e outros amigos de Geneton, deve ser apresentada na forma de projeto de Lei do Poder Executivo, logo na volta do recesso. O Legislativo municipal retoma os trabalhos nesta quinta-feira (31).

Geneton Moraes faleceu aos 60 anos, no Rio, em decorrência de um aneurisma na artéria aorta sofrido em maio de 2016. Ao longo de 44 anos de carreira, passou por jornais e emissoras de TV. Seu último cargo foi o de repórter especial do canal pago "Globonews". Além disso, escreveu livros de reportagem e se dedicou também ao cinema.

Famoso por suas entrevistas, ao longo da carreira entrevistou inúmeras personalidades, dentre elas seis presidentes da República, três astronautas que pisaram na Lua, dois vencedores do Prêmio Nobel da Paz, os dois militares que dispararam as bombas sobre Hiroshima e Nagasaki, a mais jovem passageira do Titanic e o assassino de Martin Luther King.

assuntos

comece o dia bem informado: