Canteiro de obras do novo gabinete do prefeito de Camaragibe
Canteiro de obras do novo gabinete do prefeito de CamaragibeFoto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

A reforma do segundo pavimento da sede da Prefeitura de Camaragibe, onde se localiza o gabinete do gestor municipal, cenário de uma recente confusão entre o prefeito Demóstenes Meira (PDT) e auditores do Tribunal de Contas do Estado (TCE) - não é apenas estrutural. Ao dar sua versão dos fatos a uma emissora local, nesta quinta (30), Meira explicou que a reforma pretende facilitar a implantação de um “modelo japonês” de gestão.

“Pegamos uma gestão japonesa onde o prefeito governa olhando todos os secretários. Nós estamos reformando o segundo andar, onde tenho meu gabinete, e estou trazendo todos os gabinetes e secretários para perto de mim, onde a gente vai ter botão pra chamar os secretários para despachar sobre os problemas da cidade", disse Meira ao radialista.

Entenda o caso:
Auditoria do TCE em Camaragibe vira caso de polícia


Um fato que chamou a atenção foi a farda usada por um dos funcionários da prefeitura que está trabalhando na obra, com as inscrições “Prefeitura de Camaragibe – Tropa de Elite”.

assuntos

comece o dia bem informado: