Miguel Coelho em entrevista à Rádio Folha FM 96,7
Miguel Coelho em entrevista à Rádio Folha FM 96,7Foto: Arthur Mota/Folha de Pernambuco

O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (sem partido) comentou como estão os preparativos para a visita que o presidente Jair Bolsonaro fará ao seu município, na próxima sexta-feira (24). Segundo oprefeito, Bolsonaro cumprirá agenda no Recife, pela manhã, onde participa de uma reunião do conselho deliberativo da Sudene, e segue para Petrolina, onde inaugura, no período da tarde, o primeiro conjunto habitacional do Minha Casa, Minha Vida de sua gestão, além de anunciar uma linha de crédito da Caixa Econômica Federal na fruticultura irrigada da região do Vale do São Francisco. "Isso reverbera em Petrolia porque gera emprego e aumenta nossa balança comercia de exportação", avaliou Miguel. Após o anúncio, o presidente deve visitar uma fazenda para conhecer a produção local.

Para Miguel Coelho, a agenda em Pernambuco é mais do que um gesto a seu pai, o líder do governo no Senado Federal, Fernando Bezerra Coelho (MDB). "É uma sinalização e uma deferência que o presidente Bolsonaro faz com seu líder de governo mas também queremos mostrar ao presidente que o Nordeste não é contra ele como algumas pessoas gostam de falar. Ele teve voto no nordesrte, independente se ganhou ou perdeu na região, ele foi votado, o nordeste faz parte do Brasil e ele é presidente", frisou.

O prefeito exaltou a aliança com o presidente da República e disse o que espera apresentar a Bolsonaro em sua visita. "Em Petrolina ele tem apoio, tem aliado e ele vai ver uma cidade que gera emprego, que gera renda e que a forçapolitica, quando bem aplicada, faz uma cidade prosperar", disse.

Além de acompanhar Bolsonaro na agenda em petrolina, o prefeito garante que levará até ele outros outras demandas do município. "Temos muitos pleitos, até porque somos aliados. Eu estou com umas três folhas de pedidos aqui", brincou o gestor municipal.

Confira a entrevista, na íntegra:

comece o dia bem informado: