Senador Fernando Bezerra Coelho
Senador Fernando Bezerra CoelhoFoto: Waldemir Barreto/Agência Senado

O senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) faz uma previsão favorável ao campo das oposições nas eleições de 2020. Segundo as contas do senador, a oposição deve colocar mais de 100 candidaturas a prefeito em Pernambuco. Dentro do próprio MDB, comandado também pelo senador Jarbas Vasconcelos e o deputado federal Raul Henry, serão pelo menos 70 candidatos em todas as regiões do Estado.

Fernando Bezerra ainda conta com pelo menos 15 candidaturas do DEM, do seu filho e deputado federal Fernando Filho, e do ex-governador Mendonça Filho. Sem contar com outras forças políticas oposicionistas como o presidente nacional do PSDB, Bruno Araújo, além do prefeito de Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira (PL), que disputará a reeleição e pretende expandir seu grupo político com outras candidaturas. Além do PTB, que deve se posicionar novamente do lado da oposição.

"Eu prevejo que a oposição vai sair maior do processo de eleição municipal e evidentemente que as atenções vão estar voltadas para os grandes centros como Recife, Olinda, Jaboatão, Caruaru e Petrolina, que serão os locais aonde as atenções vão se concentrar e é onde o jogo vai ser jogado para podermos projetar 2022", disse o senador, nesta sexta-feira (13), em restaurante no bairro da Ilha do Leite, em café da manhã com jornalistas. 

Para ele, ainda é "prematuro falar em 2022". "Nós temos que jogar 2020. E a disposição para 2020 é justamente dar musculatura a oposição. A oposição saiu fragilizada da eleição de 2018 do ponto de vista de Assembleia, da Câmara dos Deputados, do número de prefeitos que integram a oposição, mas eu sinto que pela situação que a gente acompanha, das avaliações do governador, do prefeito da capital, dos erros de certa paralisia do desenvolvimento em Pernambuco a oposição vai crescer", argumentou.

assuntos

comece o dia bem informado: