Um dos objetivos da câmara é evitar controvérsias entre as partes
Um dos objetivos da câmara é evitar controvérsias entre as partesFoto: Divulgação

O governador Paulo Câmara (PSB) participou, na tarde desta terça-feira (9), da reunião de instalação da Câmara de Conciliação e Arbitragem do projeto de integração do São Francisco. A Câmara reúne os governadores de Pernambuco, Paraíba, Rio Grande do Norte e Ceará, além do Ministério do Desenvolvimento Regional, sendo mediada pela Advocacia-Geral da União (AGU).

O principal objetivo da câmara é dirimir controvérsias entre as partes envolvidas no modelo de gestão e distribuição da água proveniente da transposição do Rio São Francisco, que perpassa os quatro Estados integrantes do grupo. “Esse é um espaço importante para que os Estados participem das decisões relativas ao gerenciamento do abastecimento através da transposição do Rio São Francisco. Também queremos a garantia de que a Adutora do Agreste seja finalizada e contemple 62 municípios do interior de Pernambuco", afirmou Paulo Câmara.

Participaram também da reunião o ministro do Desenvolvimento Regional, Gustavo Canuto; o advogado-geral da União, André Mendonça; os governadores do Ceará, Camilo Santana (PT); e da Paraíba, João Azevedo (PSB); e a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT).

Pernambuco - No último dia 23 de março, o ministro Gustavo Canuto esteve no interior do Estado para acompanhar ao lado do governador a inauguração da Adutora do Moxotó e a 1ª etapa da Adutora do Agreste.

comece o dia bem informado: