Vereador do Recife Rinaldo Júnior (PSB)
Vereador do Recife Rinaldo Júnior (PSB)Foto: Divulgação / Câmara Municipal do Recife

O vereador Rinaldo Júnior (PSB) questionou, na tarde desta quarta-feira (4), na Câmara do Recife, o motivo de dois deputados estaduais estarem fazendo criticas na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), ao projeto de lei 36/2019 que trata da modernização do IPTU da cidade, "um projeto que ainda nem foi votado". E também revelou que os mesmos parlamentares votaram a favor do aumento do tributo.

"Os deputados, que foram vereadores conosco, Wanderson Florêncio (PSC) e Marco Aurélio (PRTB), falaram na tribuna daquela Casa, informando a população do Recife que o prefeito Geraldo Julio (PSB) mandou um projeto para a Casa que vai aumentar o IPTU".

Ele questionou, ainda, os trabalhos feitos na Alepe. "Esse debate me preocupou, porque ainda não tivemos aqui na Câmara, e me parece que o estado não deve ter nenhum problema. Eles estão preocupados em defender o que não foi ainda escrito e sancionado, nem virou lei", alfinetou.

Rinaldo também revelou que os mesmos parlamentares que criticaram o projeto, foram os mesmo que, quando vereadores, em 2015, votaram a favor do projeto de lei 36/2015 do último aumento do IPTU que a cidade teve.

 "A gente tem que ter muita coerência quando abre a boca para falar. Curioso que sou, fui procurar nos anais da Casa qual foi o último reajuste de IPTU e como se comportaram esses parlamentares, que hoje são deputados. Para a minha surpresa, os anais me mostraram que esses dois votaram pelo aumento. Eles esqueceram que, em 2015, quando então faziam parte da base de apoio ao prefeito Geraldo Julio, votaram pelo aumento do IPTU de forma democrática. Quero dizer que essa discussão provavelmente deve chegar semana que vem aqui na Casa, e conta com uma emenda na Comissão de Legislação e Justiça importantíssima, que isenta 38 mil residências da cobrança do imposto, de quem mais precisa e menos tem condições".

Rinaldo fez questão de frisar que é amigo dos dois parlamentares, mas está defendendo a Casa de José Mariano. "Não posso deixar de defender como Casa, que outros parlamentares que passaram aqui e hoje estão em outros parlamentos, se preocupem tanto com a cidade e falem coisas que não existem", ressaltou.

Entenda

Nesta segunda-feira (2), o líder da oposição na Alepe, Marco Aurélio, usou a tribuna da Casa para criticar o projeto de mudança no código tributário do Recife. "No Recife, quem ousa fazer melhorias na própria casa vai pagar mais imposto", disse.

Em tempo, Wanderson reprovou as gestões do PSB. "Parece que os governos do PSB não sabem mais o que fazer para tirar o dinheiro do povo. A Prefeitura também aumentou o valor do IPTU para imóveis que funcionam como ponto comercial", afirmou.

A deputada estadual Priscila Krause (DEM), também falou sobre o assunto e afirmou que o prefeito Geraldo Julio "tentou aumentar o IPTU por meio de uma instrução normativa". "Muitos moradores já acionaram a Prefeitura judicialmente. Era uma forma de aumentar impostos sem a necessidade de obter o aval do Legislativo, o que não deu certo", comentou.

assuntos

comece o dia bem informado: