Deputado Tadeu Alencar, líder do PSB, participa da reunião que pode definir novo bloco de oposição na Câmara Federal
Deputado Tadeu Alencar, líder do PSB, participa da reunião que pode definir novo bloco de oposição na Câmara FederalFoto: Arthur Mota

Está prestes a acontecer uma reunião, nesta quinta-feira (31),na Câmara Federal, véspera de posse e eleição das Mesas Diretoras da Câmara Federal e Senado para formação de um bloco oposicionista entre PT, PSB, PSOL e Rede. Dias atrás, tudo indicava que o PSB, caminharia junto com PDT e PCdoB, mas o aceno das duas legendas à candidatura de Rodrigo Maia (DEM) à reeleição da Câmara tirou os socialistas desta composição.
  
Porém, o presidente nacional do PSB, Carlos Siqueira, além do líder do PSB, deputado Tadeu Alencar devem fechar o acordo em instantes. Mesmo assim, o PSB não deve, contudo, retirar a candidatura do deputado João Henrique Caldas (PSB-AL), o JHC, do páreo da disputa pela presidência da Câmara.

Se confirmado, o novo bloco contará com 98 deputados - PT, com 56 deputados; PSB, 32 parlamentares; PSOL, tem 10; Rede, soma mais um. Não é apenas a eleição das novas Mesas Diretoras que interessam a esta unificação partidária, mas, também, as articulações para a nova legislatura que terá início nesta sexta-feira (1). 

assuntos

comece o dia bem informado: