Deputado federal Danilo Cabral (PSB), em entrevista à Rádio Folha.
Deputado federal Danilo Cabral (PSB), em entrevista à Rádio Folha.Foto: Lidiane Mota / Folha de Pernambuco

O deputado federal Danilo Cabral (PSB) avaliou negativamente o primeiro ano do governo do presidente Jair Bolsonaro. Para Danilo Cabral, não é a sua condição de oposicionista ao Governo Federal que o leva a analisar de maneira crítica o ano de 2019, assim como não consegue fazer prognósticos positivos para os próximos anos. “Como já diria Ariano Suassuna: Não sou pessimista, mas sou um otimista esperançoso”, disse.
Para Danilo, o presidente não conseguiu descer do palanque mesmo depois de um ano de governo. “Ao invés de construir consensos, de construir pontes, ele construiu muros”, afirmou Danilo.

O parlamentar aguarda deliberações do partido em questões relativas ao financiamento público de campanha. “A única alternativa que esta posta hoje é o financiamento publico, agora de onde vai sair esse dinheiro é que a gente tem que ter cuidado para não prejudicar a população”, alertou.

A prisão em segunda instância, que será votada no Congresso Nacional, também é uma das pautas aguardadas pelo País no próximo ano. Porém, Danilo sabe que o trâmite parlamentar pode render todo o primeiro semestre para ser colocado em votação no limite, já que 2020 é um ano eleitoral.

assuntos

comece o dia bem informado: