Doriel Barros
Doriel BarrosFoto: Divulgação

O novo presidente do Partido dos Trabalhadores (PT) em Pernambuco, Doriel Barros participou do programa Folha Política desta sexta-feira (13). Na ocasião, questionado sobre o lançamento de um nome para a Prefeitura do Recife nas próximas eleições, o presidente salientou que uma candidatura do partido não teria a intenção de quebrar a aliança com o PSB. "Se houver essa possibilidade de candidatura no Recife eu não vejo motivo para quebrar essa aliança", comentou sobre a parceria com os partidos de esquerda em Pernambuco.

A posse do presidente, marcada ainda para esta sexta-feira (13), a partir das 16h, no auditório Senador Sérgio Guerra, na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe). Lideranças políticas de todas as regiões do estado, além de movimentos e organizações sociais e sindicais já confirmaram presença. Questionado sobre o que muda com seu nome na presidência, Doriel explicou que o objetivo é aumentar a representação do partido e aliados nos municípios. "Nosso objetivo é buscar ampliar nossa representação, principalmente nas eleições do próximo ano", contou. Para ele, o país já começou a se desvencilhar das negativas levantadas durante as eleições presidenciais. "A gente começa a perceber que a sociedade começa a despertar e ver que realmente o PT melhorou a vida do povo brasileiro durante esses anos no governo", comentou.

"A direita vai ter que suar muito para tomar o poder da esquerda aqui em pernambuco", contou o líder. Diante do cenário federal, Doriel confia na força de indicação do ex-presidente Lula. "A maioria do povo ainda reconhece o PT como um partido mais forte. Então todo esse legado do PT nos dá uma condição de participar das eleições do ano que vem com mais força.

Ouça e compartilhe:


assuntos

comece o dia bem informado: