Roda de Diálogo formada por mulheres teve como tema central a importância de realizar exames preventivos do Câncer de Mama.
Roda de Diálogo formada por mulheres teve como tema central a importância de realizar exames preventivos do Câncer de Mama.Foto: Divulgação

A primeira edição do #Entreelas que aconteceu nesta terça-feira (29), no auditório do Sebraelab, foi marcada por uma Roda de Diálogo formada por mulheres, tendo como tema central a importância de realizar exames preventivos do Câncer de Mama. Na ocasião, houve o relato emocionante de uma palestrante que sofreu com a doença e chegou a retirar as duas mamas e hoje está curada e levando uma vida normal.

Outros temas como as dificuldades enfrentadas pelo Hospital do Câncer de Pernambuco (HCP) para atender aos pacientes e acompanhantes; a necessidade do diagnóstico precoce para aumentar as chances de cura; assim como a importância de procurar um especialista, ou seja, um mastologista também foram abordados e debatidos.

De acordo com a deputada Roberta Arraes, presidente da Comissão de Saúde e Assistência Social da Alepe, é preciso trabalhar ações de conscientização e de prevenção ao Câncer de Mama o ano todo. “Defendo também ações de empoderamento das mulheres, de geração de empregos e oportunidades, assim como melhorias na saúde e nos cuidados. Seria interessante reunirmos mensalmente o #Entreelas para debatermos as necessidades e o que fazer do ponto de vista das políticas públicas relacionadas ao público feminino”, destacou a parlamentar.

Já a vice-presidente da Associação das Mulheres Empreendedoras (AME Brasil), a Delegada Tereza Nogueira, falou sobre os diversos tipos de violência praticada contra as mulheres e sobre a importância de desenvolver ações em rede, voltadas ao público feminino, com o objetivo de reduzir o número de casos. “É uma satisfação estar à frente da AME Brasil, uma instituição que nasceu aqui há apenas um mês, com sede no Recife, e que tem essa missão tão importante de empoderar Mulheres. Aqui em Pernambuco, além de trabalhar empreendedorismo e networking feminino, vamos dar apoio também às mulheres vítimas de violência doméstica, a fim de que elas não se sintam sós”, enfatizou Tereza. A roda de diálogo foi mediada pela psicóloga Telma Ayres.

O encontro contou ainda com a participação da médica Mastologista, Isabel Cristina, que chamou a atenção para a importância dos exames preventivos e de procurar um especialista, caso acuse algo diferente da normalidade. Segundo a médica, cada mulher deve ter “um mastologista pra chamar de seu”, pois caso é um caso e precisa ser analisado com cuidado.

O presidente do Conselho Regional de Contabilidade de Pernambuco (CRC-PE), José Campos também participou do evento e ressaltou a importância de debater a temática. A vice-presidente do CRE-PE, Dorgivânia Arraes, representou a entidade e ressaltou a importância do empreendedorismo e da presença feminina em várias áreas de atuação.
Cada participante levou pacotes de leite em pó que serão doados para o Hospital do Câncer de Pernambuco (HCP). A necessidade de doação de alimentos na instituição foi levantada por Maria da Paz que coordena o trabalho voluntário no HCP. Segundo ela, o Hospital atende uma demanda imensa de pessoas, não só da Região Metropolitana do Recife (RMR), como também do Interior do Estado.

O #Entreelas foi uma iniciativa da AME Brasil, em parceria com a Comissão da Saúde e Assistência Social da Alepe, o Conselho Regional de Contabilidade de Pernambuco (CRE-PE) e contou com o apoio do Sebrae-PE.

assuntos

comece o dia bem informado: