O prefeito Geraldo Julio apresentou ao fundador do Pacto, ex-prefeito de Nova Iorque e pré-candidato a presidente dos Estados Unidos, os avanços do Recife na questão climática
O prefeito Geraldo Julio apresentou ao fundador do Pacto, ex-prefeito de Nova Iorque e pré-candidato a presidente dos Estados Unidos, os avanços do Recife na questão climáticaFoto: Cortesia

No terceiro dia de compromissos oficiais na Conferência das Partes da ONU sobre o Clima (COP25), em Madri, nesta terça-feira (10), o prefeito Geraldo Julio se reuniu com o ex-prefeito de Nova Iorque, Michael Bloomberg, onde reafirmou o compromisso com o Pacto Global de Prefeitos pelo Clima e a Energia. Geraldo Julio foi o único prefeito da América Latina a participar da reunião fechada. Fundado por Bloomberg, a Prefeitura do Recife é signatária do pacto desde 2015.

“Fomos convidados para uma reunião com Michael Bloomberg, ex-prefeito de Nova Iorque, fundador do Pacto Global de Prefeitos Pelo Clima. Com ele, tivemos a oportunidade de mostrar os avanços na América Latina, América do Sul e avanços na nossa cidade também. Tratar de questões objetivas sobre as ações que precisam ser feitas para o enfrentamento a Emergência Climática”, afirmou prefeito.

“Essa semana vimos as capas dos jornais, mostrando que Pernambuco está batendo recorde de calor. Inundações e enchentes, a vida das pessoas estão muito tocadas pelas mudanças climáticas e essa é uma preocupação de prefeitos do mundo inteiro, sobretudo quando governos nacionais, como o brasileiro e o norte americano não estão cumprindo essa pauta de enfrentamento a mudanças climáticas. Foi uma reunião produtiva e muito importante com Bloomberg, que hoje é pré-candidato à presidência dos Estados Unidos”, pontuou.
  
Na reunião, o prefeito apresentou as medidas mais recentes da Prefeitura do Recife, para ampliar ainda mais o compromisso da cidade com a agenda climática. Entre as ações, o lançamento do Plano de Adaptação Climática do Recife, o decreto que declara o Reconhecimento à Emergência Climática Global pelo Município do Recife, a primeira cidade do Brasil a fazer esse reconhecimento e também com pioneirismo em todo o país, o Recife se tornou a primeira cidade a incluir na grade curricular da rede pública de ensino a matéria Sustentabilidade e Emergência Climática, medida elogiada por Bloomberg.

O Pacto Global de Prefeitos pelo Clima e a Energia, é uma aliança global de cidades e governos locais voluntariamente comprometidos com a luta à mudança climática, reduzindo seus impactos inevitáveis e facilitando o acesso à energia sustentável e acessível para todos. Ele originou-se da junção do Compact of Mayors e o Covenant of Mayors, duas iniciativas pioneiras que buscam unir governos locais em prol de sociedades mais verdes. O Compact of Mayors é uma coalizão de prefeitos e gestores públicos para a redução da emissão de gases de efeito estufa nas cidades e o Covenant of Mayors foi criado em 2008 para alcançar os objetivos 2020 da União Europeia; desde então, conseguiu a adesão de mais de 6800 cidades em 58 países.

assuntos

comece o dia bem informado: