Debate abordará incentivos para artistas e profissionais da cultura
Debate abordará incentivos para artistas e profissionais da culturaFoto: Divulgação

Devido ao prejuízo que a pandemia do coronavírus também está causando ao setor cultural, a deputada federal Marília Arraes (PT) assinou, ao lado de parlamentares do PT e de diversos partidos, o projeto de lei de criação do fundo emergencial para a Renda Básica da Cultura durante o período do isolamento.

Para falar sobre o assunto, Marília participa nesta terça (31), ao lado da deputada federal Benedita da Silva (PT/RJ), do Programa Quarentena, do Brasil 247, apresentado por Liana Cirne e Elika Takimoto, com transmissão nas redes sociais, a partir das 21h.

“O IBGE mostra que mais de 5 milhões de pessoas trabalham no setor cultural brasileiro. E grande parte deste contigente não tem carteira assinada, salário fixo. A cultura é também uma atividade econômica, que emprega, que gera renda, e por isso precisa fazer parte deste esforço de socorro financeiro”, defende Marília.

Confira algumas medidas para o setor cultural no projeto assinado por Marília:

Complemento mensal da renda para trabalhadores informais do setor cultural impactados pela crise do coronavírus;

Políticas federais para a cultura ao fomento de atividades culturais que possam ser transmitidas pela internet.

Proibição do corte no fornecimento de água, de energia elétrica e de quaisquer serviços de telecomunicações, inclusive internet, para entidades do setor;


Serviço:
Programa Quarentena (Brasil 247)
Horário: 21h
Facebook: brasil247 e mariliaarraes

Marília participa nesta terça, ao lado da deputada federal Benedita da Silva (PT/RJ), do Programa Quarentena, do Brasil 247

Marília participa nesta terça, ao lado da deputada federal Benedita da Silva (PT/RJ), do Programa Quarentena, do Brasil 247 - Crédito: Divulgação

assuntos

comece o dia bem informado: