Prefeito de Curitiba passa mal e é internado um dia depois da posse

O estado de saúde do prefeito é considerado estável, porém, ele ficará internado por até 48 horas para a administração de medicamentos

Lei é de autoria do vereador do Recife Samuel Salazar (sem partido)Lei é de autoria do vereador do Recife Samuel Salazar (sem partido) - Foto: Divulgação

O prefeito de Curitiba, Rafael Greca, foi internado novamente nesta segunda-feira (2) no Hospital Marcelino Champagnat. Era seu primeiro dia de trabalho após assumir a prefeitura no domingo (1º).

Greca foi diagnosticado com tromboembolia pulmonar, quando um coágulo de sangue se aloja em vasos do pulmão. Ele será mantido no hospital para receber medicação até que seu estado clínico volte ao normal.

O prefeito já havia sido hospitalizado na tarde de sábado (31), após sentir falta de ar, mas acabou sendo liberado depois de passar por uma bateria de exames cardiológicos e de sangue. A suspeita inicial era uma crise de ansiedade. Ele tem 60 anos de idade.

Ao tomar posse no domingo (1º), Greca usou uma entrada lateral para chegar ao Plenário da Câmara. Os médicos recomendaram que ele não usasse a entrada principal para não ter que subir a escada de 13 degraus do prédio histórico.

Veja também

Tribunal abre brecha para reduzir pena tricentenária de Sérgio Cabral
Política

Tribunal abre brecha para reduzir pena tricentenária de Sérgio Cabral

Apoiadores de Bolsonaro convocam caravanas pelo país a favor de Arthur Lira e voto impresso
Bolsonaro

Apoiadores de Bolsonaro convocam caravanas pelo país a favor de Arthur Lira e voto impresso