Publicações sobre Eike são apagadas de perfil de João Doria

Nas postagens, o prefeito afirmava que o empresário era uma lição de "eficiência e otimismo" e que uma empresa privatizada administrada por Eike iria "melhorar"

Prefeito de São Paulo, João DoriaPrefeito de São Paulo, João Doria - Foto: Rovena Rosa / Agência Brasil (03/10/2016)

Publicações elogiosas ao empresário Eike Batista, preso nesta segunda-feira (30) pela Polícia Federal, foram apagadas do perfil do prefeito de São Paulo, João Doria (PSDB), em uma rede social.

Nas postagens, o prefeito afirmava que o empresário era uma lição de "eficiência e otimismo" e que uma empresa privatizada administrada por Eike iria "melhorar".
Ainda dizia que daria um prêmio do grupo Lide, empresa fundada por Doria quando ainda não era prefeito, de empreendedor do ano, a Eike. As postagens são de 2011.

Procurada, a assessoria do prefeito informou que a decisão de apagar as publicações partiu da equipe que administra as redes sociais de Doria, e não do prefeito.
Doria, segundo a assessoria, nem se lembrava das publicações. Pela manhã, ao ser questionado sobre o tema, disse que "passado é passado".

Eike foi o principal alvo da Operação Eficiência, braço da Lava Jato no Rio deflagrada na quinta-feira (26).
O empresário foi preso sob suspeita de pagar US$ 16,5 milhões em propina ao ex-governador do Rio, Sérgio Cabral, que também foi detido pela Lava Jato. Antes da prisão, Eike disse que responderá "à Justiça, como é meu dever".

Veja também

Em live, Bolsonaro cita denúncia de vídeo de astrólogo que faz acupuntura em árvores
LIVE

Em live, Bolsonaro cita denúncia de vídeo de astrólogo que faz acupuntura em árvores

Após três anos falando em fraude eleitoral, Bolsonaro assume não ter prova e cita astrólogo
Live

Após três anos falando em fraude eleitoral, Bolsonaro assume não ter prova e cita astrólogo