Secretaria de Promoção da Igualdade Racial será mantida

Decisão de manter Secretaria de Promoção da Igualdade Racial foi divulgada nesta segunda-feira por meio de nota oficial

Pastora Damares Alves, futura chefe do Ministério de Mulher, Família e Direitos HumanosPastora Damares Alves, futura chefe do Ministério de Mulher, Família e Direitos Humanos - Foto: Valter Campanato / Agência Brasil

A Secretaria Nacional de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) será mantida e permanecerá com a mesma nomenclatura, com foco na dignidade da pessoa humana. A decisão foi divulgada nesta segunda-feira (17) por meio de nota oficial.

Leia também
'Gravidez é problema que dura só 9 meses', diz nova ministra da Mulher
Ministra de Direitos Humanos diz que 'mulher nasceu para ser mãe' e ideologia de gênero 'é morte'
Damares assumirá Ministério da Mulher, Família e Direitos Humanos


A informação é da advogada Damares Alves, que assumirá como titular do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos. Em nota, ela informou que o objetivo é ampliar as ações no âmbito da secretaria.

“Informamos ainda que o objetivo da secretaria será o de ampliar as ações de acesso às políticas públicas, para a população negra, indígena, quilombola, cigana, moradores do semiárido, comunidades ribeirinhas e comunidades tradicionais”, disse, em nota.

Veja também

Direção da PF barra promoção de delegado de caso Salles para cargo de chefia
Polícia Federal

Direção da PF barra promoção de delegado de caso Salles para cargo de chefia

'É bem mais grave', diz deputado sobre relatos de irmão por pressão do governo pela Covaxin
Covaxin

'É bem mais grave', diz deputado sobre relatos de irmão por pressão do governo pela Covaxin