Senado aprova medida provisória que facilita privatização no setor elétrico

A proposta segue agora para sanção do presidente da República, Michel Temer

O Caso Richard JewellO Caso Richard Jewell - Foto: Reprodução/ Adorocinema

O Senado aprovou nesta quarta-feira (19) medida provisória que facilita privatizações e altera regras do setor elétrico, o que permite que o governo viabilize a venda de distribuidoras de energia da estatal federal Eletrobras. A matéria perderia a validade nesta quinta-feira (20), então os senadores decidiram aprovar o texto que saiu da Câmara na semana passada.

A oposição chegou a ameaçar a aprovação da medida provisória ao romper acordo para que os destaques fossem votados sem verificação de quorum. Diante do risco, a base aliada mobilizou-se e seus representantes que estavam fora do plenário retornaram ao Senado, para evitar que a sessão caísse. Além de facilitar as privatizações, o texto aprovado reduz a burocracia de leilões e os custos da União com subsídios. A proposta segue agora para sanção do presidente Michel Temer.

Veja também

Marcos Pontes participa de evento sobre pesquisa da nitazoxanida
Saúde

Marcos Pontes participa de evento sobre pesquisa da nitazoxanida

YouTube bloqueia vídeo de campanha de Russomanno por desrespeitar direitos autorais da Fifa
SÃO PAULO

YouTube bloqueia vídeo de Russomanno com imagens da Fifa