A-A+

Técnicos do governo vão tirar dúvidas de parlamentares

"Gabinete de inteligência" funcionará no Congresso Nacional

Deputada Joice Hasselmann: “gabinete de inteligência” da Previdência será montado em sala da liderança do governo no Congresso e funcionará às terças, quartas e quintas-feiras Deputada Joice Hasselmann: “gabinete de inteligência” da Previdência será montado em sala da liderança do governo no Congresso e funcionará às terças, quartas e quintas-feiras  - Foto: Valter Campanato/Agência Brasil

A líder do governo no Congresso, deputada Joice Hasselmann (PSL-SP), informou nesta quinta-feira (2), em Brasília, que - a partir da próxima terça-feira (7) - técnicos do Ministério da Economia vão tirar dúvidas de parlamentares sobre a proposta de emenda à Constituição (PEC 6/19) da reforma da Previdência enviada pelo governo federal ao Legislativo.

Segundo ela, esse “gabinete de inteligência” da Previdência será montado em uma sala da liderança do governo no Congresso e vai funcionar principalmente às terças, quartas e quintas-feiras.

“O grupo do Ministério da Economia vai dar informações aos parlamentares tirando qualquer dúvida que possa haver em relação ao texto, inclusive por região. Queremos dar segurança para o parlamentar explicar para seu eleitor por que a nova Previdência é tão importante”, afirmou Joice.

Leia também:
Secretário do Tesouro Nacional diz que reforma da previdência pode ajudar crise fiscal dos estados
Comissão especial da reforma da Previdência define plano de trabalho
Maia quer aprovar reforma da Previdência na Câmara em dois meses


A líder também informou que será produzido conteúdo de comunicação sobre a reforma da Previdência para que os parlamentares possam divulgá-lo em suas redes sociais.

Aproximação mais estreita
Após reunião com Joice Hasselmann na Câmara dos Deputados, o secretário especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia, Rogério Marinho, disse hoje que a equipe econômica tem sido demandada a ter “aproximação mais estreita” com o Congresso devido à complexidade do tema da Previdência.

“Achamos de bom tom e extremamente pertinente essa demanda e viemos conversar de que forma isso se dará. Esse suporte será dado de forma mais estreita [na liderança do Congresso]”, afirmou Marinho.

Na próxima terça-feira (7), a comissão especial da Câmara que analisará o mérito da reforma da Previdência terá sua primeira reunião ordinária.

Segundo o presidente do colegiado, deputado Marcelo Ramos (PR-AM), estão previstas 11 audiências públicas em maio para ouvir a equipe econômica e representantes de associações corporativas e da sociedade civil.

Veja também

Senado aprova alteração nas regras dos fundos constitucionais
Medida Provisória

Senado aprova alteração nas regras dos fundos constitucionais

CNJ aprova norma para atendimento da população de rua nos tribunais
Justiça

CNJ aprova norma para atendimento da população de rua nos tribunais