Temer divulga vídeo rebatendo críticas de João Dória ao seu governo

Michel Temer disse que o ex-prefeito de São Paulo deve se comportar como é, e não “como orienta o marqueteiro”

'Não deixe de lutar. Ao dar seu voto, você está dando uma procuração para cuidar da sua grande casa, que é seu país, isso a Constituição brasileira', disse Temer'Não deixe de lutar. Ao dar seu voto, você está dando uma procuração para cuidar da sua grande casa, que é seu país, isso a Constituição brasileira', disse Temer - Foto: Twitter/Reprodução

O presidente Michel Temer divulgou um vídeo em sua conta no Twitter rebatendo o candidato ao governo de São Paulo, João Dória, do PSDB. Temer se queixa de críticas que o tucano teria feito ao seu governo em propagandas eleitorais. O presidente disse que o ex-prefeito de São Paulo deve se comportar como é, e não “como orienta o marqueteiro”.

“Você que tanto enalteceu meu governo, não é por causa das eleições que vai mudar suas características. Aliás, se quisermos dar um exemplo nessa eleição, devemos nos comportar como somos, não como muitas vezes, penso eu, o marqueteiro talvez te aconselhe. Eles estão equivocados porque ferem os critérios morais que devem pautar a sua conduta e de todos os candidatos”.

Temer lembrou que os partidos que compõem a coligação de Dória também fazem parte da base aliada do governo federal. Dos cinco partidos unidos à coligação encabeçada pelo PSDB para o governo de São Paulo, quatro (PSD, PRB, Democratas e PP) são da base aliada de Temer.

Leia também
Em nova propaganda, Alckmin critica inexperiência de adversário
Ministro leva mensagem de Temer a Bolsonaro
Temer reclama de 'falsidades' de Alckmin e viraliza; veja vídeo

O presidente acrescentou que Dória, além de elogiar a gestão de Temer no passado, já pediu ajuda ao presidente, tendo sido atendido. Temer encerra o vídeo com um bordão, aconselhando Dória a “desacelerar”. “Quando ocupou por brevíssimo tempo a prefeitura de São Paulo, você me pediu muito auxílio ao governo federal, e nós demos. […] Peço a você que não falte a verdade. Desacelera”.

Não é a primeira vez que o presidente usa as redes sociais para responder a candidatos que o criticam. No início deste mês, ele fez vídeos para rebater críticas de Geraldo Alckmin, também do PSDB, e Fernando Haddad, do PT, ambos candidatos a presidente da República.

Veja também

Câmara instala comissão que vai revisar leis de combate ao racismo; acompanhe
Congresso

Câmara instala comissão que vai revisar leis de combate ao racismo; acompanhe

Uma semana após voo frustrado para a Índia, governo ainda não conseguiu trazer vacinas ao Brasil
Brasil

Uma semana após voo frustrado para a Índia, governo ainda não conseguiu trazer vacinas