Temer espera decisão final para se manifestar sobre julgamento de recurso de Lula

"Vamos aguardar a decisão final. Não sei se tem recurso, não tem recurso... este é um tema que cabe à Justiça", disse Temer

Michel TemerMichel Temer - Foto: Evaristo SA / AFP

O presidente Michel Temer preferiu não comentar os votos de dois de três desembargadores que examinam o processo a favor da condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva por corrupção.

Leia também
Temer diz que reação de mercado a julgamento de Lula será 'normal'
Para Temer, julgamento de petista dará 'tranquilidade' a investidores
Julgamento de Lula é "evento natural", diz Temer na Suíça


"Vamos aguardar a decisão final. Não sei se tem recurso, não tem recurso... este é um tema que cabe à Justiça", disse Temer a jornalistas em Davos (Suíça), onde participa do encontro anual do Fórum Econômico Mundial. Temer participa nesta noite de um jantar organizado pelo Fórum sobre o Brasil.

Mais cedo
Mais cedo, antes do início do julgamento, o presidente disse que o mercado financeiro agiria como "vida normal" em uma eventual condenação do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

"[É] vida normal", disse Temer, ao ser indagado por jornalistas se o mercado reagiria com turbulências a uma eventual condenação de Lula. Temer falou brevemente ao chegar ao hotel Seehof, em Davos, para reuniões com empresários e bilaterais após ter discursado na plenária do 48º encontro anual do Fórum Econômico Mundial em Davos.

Veja também

MP aumenta limite de gastos com cartão corporativo para pagar serviços sem licitação na pandemia
Gastos

MP aumenta limite de gastos com cartão corporativo para pagar serviços sem licitação na pandemia

Paulo Skaf, que se reuniu com Bolsonaro, está com Covid-19
Bolsonaro

Paulo Skaf, que se reuniu com Bolsonaro, está com Covid-19