Chapéu

Tendência do PSB é de apoiar Maia

Não vamos colocar uma força que vai fazer frente ao governo do presidente

Danilo: simpatia por Rodrigo  na presidência da C âmaraDanilo: simpatia por Rodrigo na presidência da C âmara - Foto: Jedson Nobre

 

O deputado federal Danilo Cabral afirmou, na última quarta-feira (11), que a tendência do PSB é optar pela manutenção do Rodrigo Maia (DEM) na presidência da Câmara dos Deputados. Em entrevista à Rádio Folha FM 96,7, o parlamentar disse que o partido deve se reunir, nos próximos dias, para tratar sobre a eleição da Mesa Diretora da Câmara Federal e da posição a ser adotada até o pleito de 2018.

“Há uma propensão para que a gente vote na candidatura à reeleição de Rodrigo Maia, por entender que ele restabeleceu o ambiente de dialogo. Inclusive, disse ao Rodrigo Maia, que votaria nele”, relatou.

Cabral ponderou que o nome de Maia é o mais consistente. “Não vamos colocar uma força que vai fazer frente ao governo do presidente, nem alguém ali que está no centrão, que é uma base que não representa o que a população espera”, completou.

Reformas
Apesar do apoio a Maia e ao governo, Danilo teceu criticas aos processos das reformas realizadas por Michel Temer (PMDB). Segundo o socialista, propostas, como a PEC do Teto dos Gastos (em vigor) esteve longe de ser discutida com a sociedade. “A PEC 241 vai ter consequência com o povo e, ao longo prazo, a MP do ensino médio. Agora não dá para fazer uma reforma dessa sem gestor de escola, sem os alunos”, relatou.

A preocupação com a Reforma da Previdência também foi citada. “Constitucionalmente o Sistema Previdenciário faz parte do chamado Sistema de Seguridade Social que envolve previdência, assistência social e saúde. Quando você junta todos os recursos arrecadados, vê que esse sistema, em 2016, não teve rombo, teve um superávit de 11 bilhões. Nós precisamos fazer esse debate”, afirmou.

 

Veja também

MDB será alvo de novo embate pelo comando da sigla
Edmar Lyra

MDB será alvo de novo embate pelo comando da sigla

Ala do PSB resiste à recomposição e vê Miguel Coelho como melhor adversário
Folha Política

Ala do PSB resiste à recomposição e vê Miguel Coelho como melhor adversário