Política

Velório de Teori é iniciado em Porto Alegre, no Tribunal Regional Federal

Ele morreu em um acidente aéreo, quinta-feira, em Paraty, no litoral do estado do Rio de Janeiro

O juiz Sergio Moro fala durante o velório de Teori ZavasckiO juiz Sergio Moro fala durante o velório de Teori Zavascki - Foto: JEFFERSON BERNARDES / AFP

O velório do ministro Teori Zavascki foi iniciado hoje, por volta das 9h, no Tribunal Regional Federal, em Porto Alegre. O corpo chegou ali depois das 8h30. Ele morreu em um acidente aéreo, quinta-feira (19), em Paraty, no litoral do estado do Rio de Janeiro.

No início, o velório estava restrito a familiares e amigos, mas já foi aberto ao público. A presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia, e o juiz Sergio Moro, responsável pela Operação Lava Jato, estão presentes.

Leia mais: Morre o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF
Teori Zavascki teve extensa carreira jurídica e atuação política

A pedido da família a imprensa não terá acesso ao salão principal, onde está acontecendo o velório.

Entre as pessoas que já se pronunciaram à imprensa estão o ministro do STF, Dias Toffoli e o juiz Sergio Moro.

De acordo com Toffoli, que era colega de Teori Zavascki no STF, a morte de dele é uma lástima não só pessoal, mas também para a nação, “A perda de Teori é uma perda para a justiça brasileira”, declarou bastante emocionado.

O juiz Sergio Moro se negou a falar sobre a Lava Jato e alegou que aquele não era o momento para tratar de política e sim de respeito à morte de uma pessoa considerada por ele um grande herói.

Mais tarde são aguardadas as presenças da presidente do STF, a ministra Carmén Lúcia, que já esteve presente nesta manhã, e do presidente Michel Temer. A guarda que se encarrega da segurança do presidente já está no local.


O Michel Temer deve chegar a Porto Alegre no início da tarde, por volta das 13 horas.

O sepultamento de Teori Zavascki está previsto para às 18 horas, na capital do Rio Grande do Sul.

Veja também

PF conclui que Milton Ribeiro não cometeu crime em disparo de arma de fogo no aeroporto
Política

PF conclui que Milton Ribeiro não cometeu crime em disparo de arma

Colômbia está diante de guinada histórica para a esquerda
Mundo

Colômbia está diante de guinada histórica para a esquerda