Greve geral está marcada para sexta

A promessa é de mais de 40 categorias aderiem. Rodoviários e metroviários vão parar também.

Carlos Veras, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT)Carlos Veras, presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT) - Foto: Lucas Gabriel

As reformas trabalhista e previdenciária têm provocado incômodo em parte da sociedade. Por esse motivo centrais sindicais organizam, para a sexta (28), uma Greve Geral para se colocar contra as mudanças defendidas pelo governo de Michel Temer (PMDB).

Para repercutir o lado do trabalhador e do empresariado, Jota Batista entrevistou no 'Espaço Aberto' do programa Conexão Notícias, desta quarta (26), o Presidente da Central Única dos Trabalhadores (CUT), Carlos Veras e o diretor executivo da Câmara dos Dirigentes e Logistas (CDL) do Recife, Frederico Leal.

Em Pernambuco, no dia da mobilização, será realizado um ato público, com concentração a partir das 14h, na Praça do Derby, área central do Recife, seguido de caminhada. A CUT garante que vai parar ruas e comércio.

"A economia precisa a voltar a ter renda e o comércio hoje sofre uma das maiores crises que já passamos. Não tem consumidor e acreditamos que essa retomada econômica vai demorar" disse Frederico Leal, diretor executivo da CDL-Recife durante participação, ao vivo, por telefone.

Os metroviários garantem que irão paralisar as atividades na sexta (28), após assembleia realizada nesta terça (25). Nesta quarta (26) a Companhia de Transportes Urbanos (CBTU) disse que vai ter metrô funcionando em das 5h às 9h e das 16h às 20h.

Aperte o play e escute a entrevista na integra. 

      

Confira as mais de 40 categorias que confirmaram aderir a paralisação.

Rodoviários
Metroviários
Aeroportuários
Aeronautas
Metalúrgicos
Bancários
Polícia Civil
Servidores da Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe)
Professores e servidores da Universidade de Pernambuco (UPE)
Professores da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE)
Trabalhadores da Previdência Social
Professores da rede municipal do Recife
Trabalhadores dos Correios
Petroleiros
Servidores municipais de Paulista
Servidores administrativos fazendários
Servidores do Poder Judiciário
Guardas municipais do Recife
Trabalhadores em processamento de dados das empresas federais, estaduais, municipais e de
empresas privadas
Trabalhadores químicos
Trabalhadores da rede privada de ensino
Portuários
Professores de Jaboatão dos Guararapes
Trabalhadores em educação de Pernambuco
Servidores municipais do Recife
Enfermeiros
Servidores federais
Servidores estaduais da administração direta e indireta
Agentes comunitários do Recife
Assistentes sociais
Psicólogos
Farmacêuticos
Odontologistas
Fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais
Agentes de segurança penitenciária e servidores do sistema penitenciário
Auxiliares e técnicos de enfermagem de Pernambuco
Auxiliares e técnicos em saúde bucal
Profissionais de educação física
Trabalhadores da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa)
Trabalhadores da construção pesada
Trabalhadores em asseio e conservação
Condutores de ambulância
Porteiros 

 

Veja também

Moradores da Ilha de Santana, em Olinda, sofrem com falta de água
Folha na Comunidade

Moradores da Ilha de Santana, em Olinda, sofrem com falta de água

Peça escrita pelo ator Júlio César vai ao ar na Rádio Folha

Peça escrita pelo ator Júlio César vai ao ar na Rádio Folha