LEI

Lei proíbe contratação de condenados por racismo e homofobia, em Igarassu

Pioneira em Pernambuco, a lei foi assinada pela prefeita professora Elcione Ramos no último sábado (13), dia lembrado pelo calendário como o fim da escravidão no Brasil, em 1888.

Foto: Ivonildo Pedro

Pioneira em Pernambuco, lei municipal que impede a nomeação de pessoas condenadas pela Lei do Racismo para a administração pública entrou em vigor, nesta segunda-feira (15), em Igarassu, zona norte da Grande Recife. Essa iniciativa representa mais um passo no combate à intolerância e discriminação no país. A prefeita professora Elcione Ramos assinou a Lei no último sábado (13), dia lembrado pelo calendário como o fim da escravidão no Brasil, em 1888. 

Foto:  Ivonildo Pedro

A Lei nº 3494/23 veta a nomeação para cargos efetivos, contratados e comissionados de pessoas condenadas pela Lei Federal nº 7.716/89, também conhecida como Lei do Racismo, que condena a discriminação de raça, cor, etnia, religião, procedência nacional e orientação sexual.
 

Veja também

Show "Armando Fuentes canta Los Romances de Luis Miguel" volta aos palcos do Recife
SHOW

Show "Armando Fuentes canta Los Romances de Luis Miguel" volta aos palcos do Recife

Institutições filantrópicas ganham espaço na Feira da Aurora, no Recife
FEIRA

Institutições filantrópicas ganham espaço na Feira da Aurora, no Recife

Newsletter