CANAL SAÚDE

Problemas psicológicos pelo uso excessivo do 'Tik Tok' são debatidos no Canal Saúde

O âncora Jota Batista conversou no Canal Saúde, da Rádio Folha 96,7 FM, com o psicólogo Rui Gonçalves

TikTokTikTok - Foto: Reprodução/Internet

O acesso livre para cadastro de pessoas a partir dos 13 anos de idade é uma das políticas de uso da rede social chinesa 'Tik Tok'. A plataforma funciona por meio da publicação e do consumo de vídeos que duram, em média, 15 a 60 segundos.

A ferramenta tem foco na rapidez das informações e seu uso excessivo pode atingir a autoestima, a autoconfiança e até gerar comportamentos antissociais - como a dificuldade de conversar olho no olho e uma tendência comportamental de imitação.

Para tratar do assunto, o âncora Jota Batista conversou, nesta edição do Canal Saúde, com o psicólogo Rui Gonçalves, mestre em Hebiatria pela Universidade de Pernambuco.

O convidado explicou que vários fatores têm impacto no desenvolvimento infantil e alertou que o problema do acesso das crianças às ferramentas digitais não está no simples uso, mas sim no excesso - o que foi acentuado com o cenário de pandemia.

"Tem muita criança abaixo dos 13 anos, que é a faixa etária que o 'Tik Tok' permite, utilizando as redes. Hoje em dia, muitos pais, mães e cuidadores costumam colocar um telefone na mão da criança e ir para seus afazeres. Inclusive, isso é um reflexo da pandemia, porque pai e mãe estavam dentro de casa", apontou o psicólogo.

Rui Gonçalves explicou que, além dos pais e dos responsáveis, a escola também tem papel importante quanto à educação digital das crianças.

"As escolas precisam também estar atentas com o uso dessa rede, o uso de expressões, o uso de brincadeiras, das danças. Sempre lembrando que é o excesso que faz mal, não tem de fato nenhum bicho no 'Tik Tok'. Sempre costumo dizer isso a nossos pais", afirmou o convidado.

Confira esta edição do Canal Saúde na íntegra, acessando o player abaixo:

Veja também

Show "Armando Fuentes canta Los Romances de Luis Miguel" volta aos palcos do Recife
SHOW

Show "Armando Fuentes canta Los Romances de Luis Miguel" volta aos palcos do Recife

Institutições filantrópicas ganham espaço na Feira da Aurora, no Recife
FEIRA

Institutições filantrópicas ganham espaço na Feira da Aurora, no Recife

Newsletter